(Fonte da imagem: Reprodução/GSM Arena)

A bateria de 2.100 mAh é uma das preocupações de quem pensa em comprar um Samsung Galaxy S3, especialmente porque ela precisa gerar energia para a tela Super AMOLED HD de 4,8 polegadas. Para matar a curiosidade dos consumidores, o GSM Arena teve acesso a uma versão prévia do aparelho e realizou alguns testes de energia.

Foram realizados três testes nas seguintes categorias: ligações telefônicas em 3G, navegação pela internet e reprodução de vídeos. Em chamadas, o Galaxy S3 ficou em quarto lugar, com 10 horas e 20 minutos até que a bateria descarregasse.

(Fonte da imagem: Reprodução/GSM Arena)

Já o uso de navegadores deixou o smartphone na parte de baixo da tabela, já que páginas da internet costumam consumir muita bateria de telas AMOLED. O aparelho foi o 14° na categoria, com 5 horas e 17 minutos de uso.

Por fim, em reprodução de vídeos, o Galaxy S3 ficou com a prata: 10 horas e um minuto, mostrando que essa pode ser uma das maiores utilidades do lançamento da Samsung. Nos três testes, o vencedor foi o Motorola Droid Razr MAXX, que tem justamente na bateria durável sua maior aposta.

(Fonte da imagem: Reprodução/GSM Arena)

Segundo os responsáveis pelos testes, os resultados foram melhores do que o esperado e mostram um bom desempenho também do processador Exynos 4 Quad – mas tudo pode mudar na versão final, que só chega lá fora no final de maio (e com previsão para junho no Brasil).

Fonte: GSM Arena

Cupons de desconto TecMundo: