Já faz algum tempo que temos visto smartphones com telas curvas no mercado, mas nada que realmente mostrasse o potencial desse tipo de display como vimos nos protótipos apresentados em versões passadas da IFA. Neste ano, em sua conferência, a Samsung resolveu trazer um pouco dessa nova “magia dos displays” e apresentou o Galaxy Note Edge, que usa uma de suas bordas laterais como tela.

O dispositivo tem praticamente as mesmas especificações do Note 4, também recém-apresentado pela coreana, e difere apenas no design e, obviamente, na tela. Enquanto o Note 4 usa um display tradicional plano, o Note Edge tem uma lateral da tela curvada para fora. Com isso, você ganha uma faixa extra de display que serve basicamente para mostrar informações adicionais e rápidas para o usuário. Com isso, não é necessário acessar a barra de notificações a cada instante, por exemplo.

Samsung espera que novo espaço extra atraia você

Poucas horas antes da conferência da Samsung na IFA 2014, alguns detalhes e imagens do Note Edge já tinham vazado juntamente com o Note 4 – foram capturas de tela do hotsite criado especificamente para os dois phablets.

Especificações oficiais

  • Tela: 5,6’’ Quad HD+ (2560x1440 + 160) Super AMOLED
  • Processador: Snapdragon 805 2,7 GHz quad-core
  • RAM: 3 GB
  • Armazenamento: 32 GB ou 64 GB de espaço interno + micro SD de até 64 GB
  • Câmera: sensor traseiro Sony de 16 MP com Smart OIS e frontal 3,7 MP
  • Bateria: 3000 mAh com tecnologia de rápido carregamento
  • Conectividade: 4G Cat 4 e 6, WiFi 802.11 a/b/g/n/ac, GPS/GLONAS, NFC, Bluetooth 4.1, infravermelho (controle remoto), USB 2.0 e MHL 3.0
  • SO: Android KitKat 4.4
  • Extras: S Pen com Air Command, sistema multi-janela, economia de energia UPSM, Download Booster, S Health, tela de bloqueio dinâmica e ferramentas Revolux
  • Sensores: gestos, acelerômetro, giroscópio, barômetro, leitor de digitais, UV, batimentos cardíacos e outros
  • Dimensões: 151,3x82,4x8,3 mm e 174 g

A principal funcionalidade da parte curvada da tela é economizar espaço na parte reta. Ou seja, o Note Edge já é bem espaçoso, mas a Samsung acha que colocando botões de funções, atalhos e informações rápidas na lateral, você poderá aproveitar melhor o smartphone. Ao fotografar, por exemplo, todos os controles da câmera ficam na lateral. Ao ver um vídeo, é possível controlar a execução com os botões sempre expostos no “ladinho”, e por aí vai.

No fim das contas, esse é um espaço de tela extra que não compromete tanto o tamanho do smartphone. Apesar disso, como essa parte curva também é sensível ao toque, é possível que o usuário se atrapalhe um pouco ao segurar o phablet.

Ademais, o Note Edge é praticamente idêntico ao Note 4 no quesito hardware e software. As especificações são as mesmas por dentro e o leitor de digitais e de batimentos cardíaco também acompanha o aparelho de tela curva.

Revolux

O painel lateral do Note Edge ainda tem uma interface específica para funcionar. A Samsung chama isso de Revolving UX ou Revolux. Ao todo, são sete painéis que podem ser alternados com um toque arrastando o dedo para as laterais. É possível personalizar o conteúdo desses sete painéis, mas eles funcionam basicamente como funções auxiliares para o phablet.

Você consegue conferir informações que teria em um widget tradicional nessa parte lateral, como hora, tempo, estado da bateria e outros recursos do sistema. Prévias de notificações também aparecem e, quando o aparelho está bloqueado, essa parte curva serve como um relógio e também mostra as possíveis novidades previamente, para que você não tenha que desbloquear o aparelho só para ver se alguma coisa nova chegou.

Essa “Edge Screen”, como a Samsung chama, é uma parte separada do display e, pelo que parece, não é uma extensão da tela tradicional. Isso quer dizer que dificilmente você poderá colocar qualquer coisa para ocupar tanto a parte plana quanto a parte curva do display.

Até o momento, somente apps da Samsung podem aproveitar essa tela lateral para organizar comandos específicos ou deixar atalhos mais visíveis. Contudo, a empresa afirmou em sua conferência que o SDK para desenvolvedores começararem a usar esse novo recurso estará disponível hoje em seu site.

Em breve, espera-se que a coreana libere todos os demais detalhes do Note Edge, como lançamento pelo mundo, mas o aparelho é basicamente focado nessa tela curva que ocupa uma das suas laterais. Fique ligado no TecMundo para saber mais sobre o phablet.

Cupons de desconto TecMundo: