Como Galaxy S8 já no mercado e o Note 8 supostamente muito perto de chegar, é claro que muita gente que anda adiando o upgrade do celular fica na dúvida sobre qual aparelho top de linha da Samsung pegar. Embora a sul-coreana não tenha soltado nenhuma informação oficial a respeito do sucessor do Note 7 é possível recorrer a rumores e alguns vazamentos para conferir qual é a diferença entre as duas linhas de aparelhos e se vale a pena esperar pelo futuro lançamento da marca.

Será que o novo Note é apenas uma versão tamanho família do S8? Ou, quem sabe, a fabricante se superou no projeto para o novo phablet para compensar todo o fiasco com o gadget de 2016, não é? Foi exatamente para tirar esses tipos de dúvidas que o site BGR compilou as cinco principais diferenças entre os dispositivos de ponta das famílias “S” e Note. Assim, fica mais fácil decidir para onde vai o seu rico dinheirinho, certo? Então, vamos lá!

1) Tela

É difícil achar alguém que não curtiu ou pelo menos admirou o trabalho da Samsung com os displays do Galaxy S8 e do Galaxy S8+. Afinal, os brinquedinho são os primeiros a trazerem o recurso de Tela Infinita ao mercado – uma evolução do que a própria marca vinha fazendo com os aparelhos da linha Edge. O Note 8, no entanto, deve levar tudo a um novo patamar ao oferecer uma tela Super AMOLED com resolução Quad HD ainda maior, ostentando 6,3 polegadas de pura beleza.

2) Proporção

Opa, e quando se fala em display, não dá para ignorar o fato de a fabricante sul-coreana ter conseguido valorizar consideravelmente o componente ao fazer com ele cobrisse cerca de 83% de toda a parte frontal do Galaxy S8 e S8+. Mais uma vez, a ideia é que o sucessor do Note 7 supere esse número e traga uma proporção de tela em relação ao corpo do dispositivo ainda maior – e mais sexy, se você é do tipo que sabe apreciar um belo projeto de hardware.

Difícil não se apaixonar por essas telas, hein?

3) S Pen

Enquanto a Bixby – que também estará presente no Note 8 – pode ser um recurso e tanto para ter uma interação mais aprofundada com o celular, pode ser difícil bater a versatilidade da S Pen depois que você se acostuma com ela. O acessório icônico da família Note deve receber melhorias consideráveis no novo aparelho da Samsung – tanto em questão de hardware quanto de software – e pode tornar sua experiência com o produto ainda mais imersiva e prática.

4) Memória RAM

Ok, já vimos em outras ocasiões que esse componente, em excesso, não apresenta um upgrade considerável de performance em smartphones Android. Porém, é sempre bom estar preparado para o futuro e ter uma quantidade generosa de RAM embaixo do capô, certo? Por conta disso, os rumores sobre o Note 8 dizem que o gadget vai chegar ao mercado global com sonoros 6 GB de memória, superando os 4 GB dos atuais flagships da linha “S” comercializados fora da Coreia do Sul.

Uma caneta stylus e memória de sobra compensam o preço mais elevado?

5) Preço

É aí que mora o perigo, certo? Enquanto a versão mais básica do Galaxy S8 já pode ser encontrada por menos de US$ 700 (R$ 2.326) nos EUA, a perspectiva é que o Galaxy Note 8 custe uma pequena fortuna a mais e abuse das suas economias. Segundo rumores, o futuro lançamento da Samsung não deve chegar ao mercado por menos de US$ 1 mil (pouco mais de R$ 3,3 mil), mas esse valor pode crescer em versões com mais armazenamento interno e em edições especiais ou limitadas.

Cupons de desconto TecMundo: