Como você já deve saber, os cabos de fibra óptica possibilitam conexões de internet muito rápidas e sem a perda de dados que acontece normalmente, entre outros benefícios. Para que Cuba tivesse acesso a esse tipo de tecnologia, o governo venezuelano ligou alguns cabos submarinos deste tipo ao país — antes disso, somente conexões via satélite eram possíveis.

Agora, Cuba pode estar começando a caminhar com as suas próprias pernas, o que quer dizer que é muito provável que o país esteja com planos concretos de usar seus próprios cabos ópticos. Essa informação foi transmitida, em primeiro momento, por uma empresa chamada Renesys, responsável por realizar análises de conexões de internet.

O que ela descobriu?

Segundo a Renesys, houve uma melhoria na latência da conexão de Cuba. Isso poderia estar acontecendo pela ativação do novo cabo de fibra óptica — especialmente pelo fato de que a alteração começou a acontecer no começo do janeiro, época em que a empresa Telefônica começou a prestar serviço para uma das estatais cubanas.

Ainda de acordo com as descobertas dessa companhia, é provável que a nova tecnologia só esteja admitindo tráfego unidirecional, pelo menos por enquanto. Dessa maneira, Cuba deve estar recebendo dados através desse cabo, mas continua emitindo informação via satélite.

Apesar de todas essas informações, o governo de Cuba ainda não emitiu nenhum comunicado oficial sobre o assunto, de forma que a novidade não pode ser confirmada.

Cupons de desconto TecMundo: