Ficou desanimado ao ver que, enquanto você trabalha, outro de seus amigos está tirando aquelas férias do sonho no Caribe festejando com outras pessoas – e postando tudo no Facebook? Acredite: você não é o único.

Pesquisadores da Universidade de Humboldt concluíram que um número enorme de pessoas está se sentindo pior por usar a rede social de Mark Zuckerberg. O motivo? Inveja de seus amigos. O estudo analisou 600 pessoas que utilizam a rede social com frequência. Segundo eles, os números revelaram que uma em cada três pessoas acabaram se sentindo piores depois de visitar o site, o que é um número inegavelmente preocupante.

Essa sensação de tristeza, vale notar, era mais comum caso a pessoa não tivesse o hábito de passar o tempo fazendo seus posts no Facebook, e era ainda mais fácil de ocorrer caso a pessoa tivesse visto fotos de férias. Não é preciso nem mesmo que a pessoa esteja contando vantagem explicitamente, de fato, para que haja uma reação negativa: basta um post de uma mudança de relacionamento que anuncie um “namoro” para gerar reações ruins de quem está se separando, por exemplo.

“Nós ficamos surpresos com quantas pessoas têm uma experiência negativa do Facebook com a inveja deixando eles se sentirem sozinhos, frustrados e irritados”, disse Hanna Krasnova, autor do estudo, ao jornal Reuters. “De nossas observações algumas dessas pessoas vão então deixar o Facebook ou pelo menos reduzir seu uso do site”, continuou.

A inveja é a pior inimiga

Como dito anteriormente, o principal problema é resultado da comparação constante entre as pessoas e seus amigos, que os faz terem inveja daqueles melhor sucedidos. Mas esse não é o único fator: o segundo maior motivo para a irritação do público foi a “falta de atenção” – ou seja, se eles recebem menos comentários, likes e outros tipos de respostas em comparação a outros amigos.

Vendo pelo outro lado, a boa notícia é que, por enquanto, o número de pessoas que têm experiências positivas no site ainda é superior ao daqueles que acabam se sentindo “para baixo” por culpa dos posts no serviço. Mas se isso mudar, não seria nenhuma surpresa ver o público abandonando por completo o Facebook – ou mesmo outras redes sociais.

O Facebook faz você se sentir melhor ou pior com você mesmo? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: