A Google é uma empresa lembrada por diversas ações e projetos que visam favorecer a população. Agora, outra companhia está se enveredando por este caminho — e felizmente! A Facebook, ao lado da Internet.org, anunciou planos para entregar conectividade de internet aos lugares mais remotos do planeta. A ideia é conectar cada vez mais o mundo, já que existem bilhões de pessoas sem uma conexão confiável.

A maneira como Mark Zuckerberg pretende fazer isso é muito interessante: por meio de drones. Ano passado, a companhia comprou a fabricante Ascenta, que produz veículos aéreos não tripulados.

"Vamos falar de alguns detalhes sobre como o Facebook Connectivity Lab está construindo drones, satélites e lasers para fornecer internet a todos", disse Zuckerberg em post na rede. "Já fizemos um bom progresso no ano passado. Nosso trabalho nas Filipinas e no Paraguai dobraram o número de pessoas usando dados móveis em operadoras parceiras, entregando acesso a 3 milhões de pessoas", disse o CEO.

Para quem pensa que os drones são pequeninos, atente-se aos dados: eles voam em altitudes entre 60 e 90 mil pés, possuem a envergadura de um Boeing 767 (47 metros) e pesam o mesmo que um carro hatch.

De acordo com a Facebook, cerca de 1 mil destes veículos aéreos vão cobrir a Terra com conectividade de alta velocidade. Ainda, caso alguma região seja extremamente remota ou inóspita para o drone, satélites vão ser posicionados. "Nós queremos servir todas as pessoas no mundo", disse Yael Maguire, líder do Connectivity Lab.

Você pode acompanhar o projeto nesta página da Internet.org.

Cupons de desconto TecMundo: