No Facebook, usuários pedem intervenção do Exército após vitória de Dilma

1 min de leitura
Imagem de: No Facebook, usuários pedem intervenção do Exército após vitória de Dilma
Avatar do autor

No último domingo (26), Dilma Roussef foi reeleita para ser a presidente do Brasil pelos próximos quatro anos. Porém, muitos eleitores estão indignados com a situação e, por conta disso, usando as redes sociais para expressar o descontentamento.

No Facebook, por exemplo, vários usuários estão enviando mensagens na página do Exército Brasileiro com pedidos de ajuda e até a solicitação de uma intervenção militar. Há comentários com as letras “SOS”, além de outras publicações que também tratam do mesmo assunto.

Veja a seguir algumas das mensagens que apareceram na página do Exército Brasileiro:

“Exército! Nossos heróis não reconhecidos! Contamos novamente com vocês! Vcs são necessários já!!!!!”

“Movimento militar jááá... não queremos esses esquerdistas terroristas no governo... As forças armadas... a verdadeira defensora da pátria e da democracia... o Brasil precisa de vocês...”

“Caros generais, não permitam que nossa pátria seja jogada nas mãos de comunistas que querem saquear todas as nossas divisas e roubar nossa liberdade de expressão e livre arbítrio. Vocês são os guardiões da pátria e os únicos que podem nos livrar dessa maldição! Contamos com o vosso voto de defender nossa nação a qualquer custo!!”

Usuários contra a ideia de intervenção

No meio dos comentários solicitando a intervenção dos militares, há aqueles que discordam da ideia e se mostram assustados com a postura de algumas pessoas.

“Ainda nesse negócio de golpe militar? Não se conformaram. Ficam querendo golpe militar, mas não viveram a época da ditadura na pele. Se soubessem o que é um golpe militar, nunca falariam essa bobagem.”

“Aguardando ansiosamente por uma nota de repúdio do Exército Brasileiro acerca desses extremistas disseminadores de ódio”, escreveu outra usuária.

No Facebook, usuários pedem intervenção do Exército após vitória de Dilma