“O peixe morre pela boca”, já dizia o velho ditado. O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, foi vítima de uma de suas frases ditas em tom de brincadeira. Pouco antes de começar a Copa do Mundo, em entrevista ao jornal inglês The Guardian, o político afirmou que “se mataria” caso a Argentina fosse campeã do mundo em um final diante do Brasil.

Com a eliminação da Seleção Brasileira diante da Alemanha e a classificação da Argentina para a final da Copa, vários usuários do Facebook fizeram questão de lembrar Paes da “promessa” que havia assumido anteriormente. Na rede social, diversos eventos foram criados fazendo alusão ao fato e alguns deles já contam com 30 mil pessoas confirmadas. Em seu perfil pessoal, a cada postagem diversos seguidores insistem em relembrar a promessa feita.

Ontem (11), o prefeito do Rio de Janeiro falou sobre o assunto, após insistentes pedidos dos jornalistas para comentar o ocorrido. Paes brincou com a situação e explicou que a promessa só teria valor caso o Brasil decidisse o título contra a Argentina, o que não vai acontecer. Além disso, ele ressaltou que a torcida argentina é muito bem-vinda à sua cidade para a decisão do mundial.

Cupons de desconto TecMundo: