(Fonte da imagem: Divulgação/Facebook)
Quando o Facebook Home foi revelado, Mark Zuckerberg revelou o seu interesse de incluir nele o acesso ao conteúdo de outros aplicativos e sites. Nesta quarta-feira (03), pouco menos de seis meses depois do anúncio, o Facebook Home passa também a incluir a possibilidade de receber fotos do Instagram, Tumblr, Pinterest e Flickr.

Ao adicionar o feed das outras redes, é possível inclusive curtir publicações de outros lugares ao clicar duas vezes sobre cada uma. Ao mesmo tempo, a tela inicial também permite aos usuários esconder as publicações do próprio Facebook.

Ao abrir as portas para serviços externos, Zuckerberg parece cumprir a sua promessa de que o Home não se trata de aplicativos, mas sim de pessoas. Com isso, esta é uma tentativa de atender às reclamações dos usuários que acreditam que uma tela inicial contendo apenas informações do Facebook é limitada demais.

Ao mesmo tempo, a atualização torna o Facebook Home mais útil para uma série de outras pessoas que são mais ativas em outras redes sociais, ainda que o Home ainda priorize aplicativos próprios como o Facebook Messenger. Ainda assim, esse pode o primeiro passo da popularização do serviço. Caso a empresa de Mark Zuckerberg consiga um nível de adoção semelhante ao dos computadores que mantém o Facebook como página inicial, a companhia só tem a ganhar.

Cupons de desconto TecMundo: