O Facebook é uma plataforma feita de conexões. Portanto, não surpreende o fato de que uma funcionalidade como o “Pessoas que você talvez conheça”, que sugere novos amigos para o usuário, faça parte do arsenal da rede social para aproximar ainda mais as pessoas. Porém, quem imaginaria que esse recurso ajudaria a polícia a encontrar um criminoso acusado de roubo. E o pior: ele foi achado através do perfil da vítima.

Omar Famuyide, o cidadão da foto abaixo, foi preso por roubo em Birmingham, na Inglaterra, após ter sido identificado por uma vítima através do Facebook. O ladrão apareceu na lista de sugestão de amigos, o que foi o suficiente para que uma identificação levasse à prisão do criminoso.

Omar Famuyide, o ladrão preso

Uma das formas que o Facebook sugere novos amigos

Fique de olho

Essa funcionalidade utiliza como base várias configurações e preferências dos usuários para sugerir algumas pessoas que possam ter alguma conexão com o dono do perfil. Amigos em comum, cidade natal, local de trabalho, instituição de ensino e muitos outros fatores podem contribuir para a construção dessa lista de prováveis conhecidos.

O indivíduo já havia permanecido na cadeia por roubo e posse ilegal de armas. De acordo com a polícia local, o recurso “Pessoas que você talvez conheça” do Facebook “foi uma parte crucial da investigação” e a “última peça do quebra-cabeça”. Portanto, vale a pena olhar com bastante atenção a lista de sugestões que a rede social oferece.

Cupons de desconto TecMundo: