Durante a recente conferência F8, o Facebook anunciou que o Beta de sua plataforma Messenger agora vai permitir que empresas façam uso dos famosos chatbots para interagir com o público. Basicamente, isso significa que, quando entrar em contato com uma companhia pelo mensageiro, será possível conversar com um “robô” movido a inteligência artificial para obter as respostas que você deseja.

Segundo David Marcus, executivo responsável pelos serviços de mensagem do Facebook, mais de 50 milhões de empresas atuam na rede social, trocando um total superior a 1 bilhão de mensagens por mês. Usando a API da companhia de Zuckerberg, as corporações podem criar bots com IA capaz de manter sua identidade e enviar e receber texto, imagens, botões e outros tipos de interações. Será possível até fazer compras pelo Messenger.

No topo de cada conversa, os usuários poderão encontrar controles que permitem o bloqueio de mensagens específicas ou até de contatos como um todo. A ideia, de acordo com Marcus, é garantir que “você esteja sempre no controle da sua experiência de troca de mensagens”. Usando um meio com o qual já está acostumado, o público poderá receber atendimento em tempo real, sem toda a espera por trocas de emails.

Cada vez melhor

Para acelerar o desenvolvimento desse tipo de interação, o Facebook também aproveitou a ocasião para lançar sua Bot Engine, uma ferramenta que permite que você ensine como os chatbots devem responder a situações específicas. Desenvolvida pelo time Wit.ai da empresa de Zuckerberg, a novidade deve ser usada em conjunto com a API de envio e recebimento feita para a criação dos robôs.

A chegada dos chatbots ao Messenger algum tempo depois da revelação da assistente pessoal digital M do Facebook, revelada como uma tecnologia capaz de fazer coisas no lugar das pessoas. A criação da Bot Engine deve tornar essa tarefa mais fácil, já que os desenvolvedores poderão “treinar” seus robôs e fazê-los “aprender continuamente para que fiquem melhores com o passar do tempo”.

Uma das primeiras empresas a desenvolver esse tipo de tecnologia para o Messenger é o canal de notícias CNN, que pode enviar listas automáticas de matérias pelo mensageiro. Caso você queira saber mais sobre algum tópico específico, bastará perguntar para o bot para receber as informações desejadas. As corporações que estão entrando na onda incluem eBay, Disney, Hipmunk, Shopify e HealthTap, entre muitas outras.

O que você achou da inclusão dos chatsbots no Messenger do Facebook? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: