Em tempos de redes sociais, um dos mantras da nova ordem social é que a privacidade não existe mais. Agora, uma extensão do navegador Chrome mostra que isso é mais verdade que nunca.

O estudante Aran Khanna, da faculdade de Ciência da Computação e Matemática em Harvard, criou o programa que pega dados de localização que já estão na página web de mensagens do Facebook e os coloca em um mapa. O que era para ser apenas dados numéricos dentro do código HTML da página fica escancarado graficamente.

Isso acontece porque, no aplicativo Facebook Messenger para celular, as mensagens são enviadas, por padrão, junto com informações de localização. É algo difícil de notar, já que é uma setinha pequena e discreta na hora de digitar o texto.

Revelando o itinerário

Com base nessas informações, a extensão é capaz de criar um histórico da localização de todos os usuários que você possuir na página de mensagens. Quanto mais essa pessoa manda textos pelo aplicativo, mais as chances de que tenha um mapa completo de todo seu itinerário.

O celular por si já grava a localização do usuário, mas esses dados não podem ser acessados por terceiros (a não ser que alguém consiga hackear o sistema). No caso dos dados do Facebook, as informações estão até escondidas, mas podem ser acessadas facilmente.

A extensão ganhou o nome de Marauder's Map, ou Mapa do Maroto, que é uma referência a um objeto que aparece em Harry Potter. Khanna ficou surpreso com a precisão dos dados, de apenas alguns metros.

Para você que quer continuar usando o Facebook Messenger, mas não quer ter exposta sua localização toda vez que for mandar uma mensagem, vamos ensinar como desligar essa opção. No Android, você acessa o menu do aplicativo, vai até Privacidade e desliga o item. No iPhone, você deve acessar o ícone de Ajustes (do celular, não do aplicativo) e ir em Privacidade > Serviços de Localização > Facebook Messenger > Nunca.

Cupons de desconto TecMundo: