O final de semana trouxe muitas emoções para os brasileiros apaixonados por Counter-Strike: Global Offensive. A DreamHack Austin 2016 aconteceu entre a sexta-feira (6) e o domingo (8) nos Estados Unidos, trazendo uma premiação total de US$ 100 mil (aproximadamente R$ 352 mil) e a participação dos melhores jogadores do continente americano. E, pela primeira vez na história da franquia, uma final internacional foi disputada por dois times brasileiros.

A Luminsoity Gaming e a Tempo Storm seguiram até a grande final do evento após uma fase de grupos com muitas vitórias sobre as equipes norte-americanas. A Luminosity Gaming fechou em primeira colocação no grupo A, deixando para trás a Counter Logic Gaming e a Team Splyce. Do outro lado, a Tempo Storm se classificou para as eliminatórias após eliminar a NRG eSports e a Selfless Gaming.

Nos playoffs, a equipe liderada por Gabriel "FalleN" Toledo venceu a Team Liquid por dois mapas a zero, enquanto o capitão Ricardo "boltz" Prass conduziu o outro time brasileiro em uma vitória de dois mapas a um contra a Cloud 9.

Uma final entre duas equipes brasileiras nunca aconteceu em um campeonato internacional da série Counter-Strike

Na grande decisão, a Luminosity Gaming mostrou porque está entre os melhores do mundo e derrotou os compatriotas por dois mapas a zero. Mas, para mostrar a alegria de representar o país, os jogadores mudaram seus nomes dentro do jogo para homenagear os companheiros da outra equipe. Além disso, ambos os times levantaram a taça na hora da premiação.

Você confere as partidas logo abaixo, narrada em português pelo jogador Bernardo "BiDa" Moura.

Uma final entre duas equipes brasileiras nunca aconteceu em um campeonato internacional da série Counter-Strike. Ambas as equipes integram atualmente a lista dos 10 melhores times de CS:GO do mundo segundo o site HLTV — especialmente a Luminosity Gaming na segunda colocação depois da vitória na MLG Columbus 2016.

Do outro lado, a Tempo Storm é formada pelos ex-integrantes da Games Academy, um projeto liderado pelo capitão da Luminosity. Eles atualmente entraram na elite do game por conta das suas conquistas nos campeonatos norte-americanos. No início de maio, a equipe nacional também subiu para a décima posição no ranking, representando ainda mais o CS:GO brasileiro no eSport internacional.

A Luminosity Gaming é representada no Counter-Strike: Global Offensive pelos seguintes jogadores:

  • Gabriel "FalleN" Toledo
  • Fernando "fer" Alvarenga
  • Marcelo "coldzera" David
  • Lincoln "fnx" Lau
  • Tacio "TACO" Filho

Enquanto isso, a Tempo Storm conta com os seguintes competidores de CS:GO:

  • Henrique "hen1" Teles
  • Lucas "lucas1" Teles
  • Gustavo "SHOOWTiME" Gonçalves
  • João "felps" Vasconcellos
  • Ricardo "boltz" Prass

Ambas as equipes levantaram a taça na comemoração

Com a decisão finalizada, a classificação final da DreamHack Austin 2016 ficou da seguinte forma:

  • 1º lugar: Luminosity Gaming, US$ 50 mil (aproximadamente R$ 177 mil);
  • 2º lugar: Tempo Storm, US$ 20 mil (aproximadamente R$ 71 mil);
  • 3º lugar: Team Liquid, US$ 10 mil (aproximadamente R$ 35 mil);
  • 4º lugar: Cloud 9,  US$ 10 mil (aproximadamente R$ 35).

E então, está orgulhoso de estar em um dos países mais respeitados do Counter-Strike mundial? Caso você esteja de olho nos campeonatos de games que acontecem em maio, aconselhamos você a acompanhar nossa agenda completa com os eventos mais importantes para este mês.

Qual é a sua equipe brasileira preferida de eSports? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: