(Fonte da imagem: Reprodução/On Click Info)

Não é de hoje que circulam na rede informações de que a Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos (também conhecida como NSA) está espionando várias pessoas ao redor do globo. Ela já tentou isso com Angry Birds e ondas de rádio, e agora vem a informação de que o órgão arriscou averiguações com outro bode espiatório: o Facebook. 

Informações divulgadas no site The Intercept por Ryan Gallagher e Gleen Greenwald dizem que a NSA teria “se disfarçado como um servidor falso do Facebook” que o usuário acessaria imaginando ser a página oficial da rede social. Com essa ação, ela conseguiria implantar malwares, hackear o computador e extrair informações do disco rígido do computador. 

Ao saber do ocorrido, Jay Nancarrow, representante do Facebook, disse que “não há evidências da atividade mencionada”. Ele também comentou que a empresa incluiu sistema HTTPS para os usuários no último ano, tornando as sessões menos vulneráveis a ataques ou suspetias de atividades de malware. 

Aumento da espionagem 

Os reponsáveis pelo artigo ainda informam que o raio de espionagem da agência aumentou com o passar dos anos. Em 2004, a NSA realizou um número entre 100 e 150 instalações de softwares em computadores ao redor do globo. Já entre 2010 e 2012 esse número havia passado para dezenas de milhares.

Cupons de desconto TecMundo: