Dilma convoca reunião de emergência após denúncias de espionagem dos EUA

1 min de leitura
Imagem de: Dilma convoca reunião de emergência após denúncias de espionagem dos EUA
Avatar do autor

Presidente brasileira foi alvo direto de investigação americana (Fonte da imagem: Reprodução/Edilson Silva)

A presidente Dilma Rousseff convocou para esta manhã uma reunião de emergência com o objetivo de discutir a espionagem realizada pelo governo americano. De acordo com o G1, o encontro com ministros trata da denúncia feita no Fantástico na noite de ontem (1), de que a presidente foi alvo de investigação dos Estados Unidos.

A reunião em Brasília teria começado às 10h com a participação de vários ministros, entre eles José Eduardo Cardozo (Justiça), Luiz Eduardo Figueiredo (Relações Exteriores), Helena Chagas (Comunicação Social) e Celso Amorim (Defesa).

Reunião com embaixador americano

Mais cedo, o ministro das Relações Exteriores se reuniu com o embaixador dos EUA, Thomas Shannon. O encontro foi agendado entre os dois para tratar sobre a denúncia, mas tanto o Itamaraty quanto a embaixada americana não comentaram o que foi conversado entre ambos.

O Fantástico exibiu com exclusividade uma reportagem sobre a espionagem da presidente brasileira e seus principais assessores realizada pela Agência Nacional de Segurança dos EUA (NSA, na sigla em inglês). A informação foi revelada através de documentos classificados como ultrassecretos que fazem parte de uma apresentação interna da NSA.

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Dilma convoca reunião de emergência após denúncias de espionagem dos EUA