"Essa contaminação por zoeira não tem cura, jovem!" (Fonte da imagem: iStock)

Já se passaram quase 100 dias do ano e as coisas continuam mudando. O Windows XP não tem mais suporte, a internet 3G continua falhando em todo o país, a Copa do Mundo se aproxima e os elefantes africanos estão aderindo à dieta dos pontos para perder alguns quilinhos. Pois é, as coisas mudam!

E o que também muda são as pragas da internet, que se renovam a cada ano e surgem com mais potência, mais vontade de destruir as mentes humanas e rapidez na proliferação que é capaz de deixar até mesmo as maiores armas biológicas com inveja. Está curioso para saber quais são essas pragas? Então confira nossa retrospectiva!

Antes de começarmos, é melhor prestar atenção em algumas dicas de como sobreviver ao stress que as memórias dessas pragas podem gerar. O primeiro passo é respirar fundo, tomar um gole de suco de maracujá, comer uma paçoquinha, virar uma cambalhota, aprender a lutar capoeira, aprender yoga, usar os conhecimentos do yoga na capoeira virando cambalhota e tomar outro gole do suco.

Labirintos e GIFs do medo

“Mããããããããããe! Olha só esse vídeo que eu acabei de receber aqui! É só uma floresta feliz e encantada sem nenhum perigo! Eu juro, mamãe! Essa câmera ligada pra filmar você não é nada demais! Eu juro!” Foi com conversas parecidas com essa que 473 mil pessoas foram filmadas tomando sustos em frente aos computadores nos últimos nove anos.

Uma grande quantidade de vídeos e GIFs animados que parecem ser inofensivos tomaram conta da internet e voltam de tempos em tempos. O grande problema é que eles só parecem inofensivos, porque muitas vezes terminam com algum demônio-capeta-cramunhão-indizível-setepeles-fantasma-bichão-monstro-assustador pulando na tela e fazendo com que as pessoas quase morram do coração.

Isso sem falar naquele (insira um palavrão aqui) joguinho do labirinto. Uma estimativa feita pelo redator deste artigo revela que 83% das pessoas que jogaram aquele game tiveram pelo menos uma das seguintes avarias no próprio sistema: princípio de infarto, palpitação cardíaca, ataque de asma, experiência de quase morte, derrame cerebral, embolia pulmonar, acidente de carro e/ou morte por asfixia.

Músicas virais

Quem é que consegue se esquecer de alguns inícios de música como: “Nasci aqui! 13 anos atrás! E minha história agora eu vou contar!”, “Sete da manhã! Eu acordo! Tenho que levantar, me arrumar, me embelezar...” ou então “Olhe meu cavalo! Meu cavalo é incrível!”? Pois as músicas também podem se tornar verdadeiros virais, conquistando “fãs” em todo o planeta.

Segundo alguns especialistas em “Teoria Musical e Influência de Sequências Tonais da Interface Cerebral Humana”, de maneira geral essas músicas seguem um padrão bem simples. Confira abaixo quais são os passos que levam uma canção divertida a se tornar odiosa e responsável por mortes, guerras e destruição.

  1. São descobertas por algum blogueiro de blogs pequenos
  2. Esse blogueiro envia o resultado para um blog grande
  3. O blog publica para seus 100 mil fãs
  4. As pessoas compartilham no Facebook
  5. Todos se divertem muito
  6. Paródias surgem em universidades, escolas e escritórios
  7. As pessoas começam a se cansar da brincadeira
  8. Sua mãe descobre e compartilha com as amigas
  9. Um programa de TV que passa no domingo à tarde explica a piada
  10. Seu pai a envia para você por email
  11. A música-piada perde a graça

Vírus e outros malwares

OK! Os vírus e outros malwares são realmente pragas virtuais. Na verdade esse tema é bem sério, mas nós queríamos colocá-lo aqui no Erro 404 só para vocês se lembrarem de algumas das armadilhas mais comuns que já foram criadas até hoje. Será que você caiu em alguma delas?

  • ILoveYou.exe
  • AsFotosDaFestaFicaramOtimas.exe
  • FotosDoRedatordoTecmundosemRoupa.exe
  • SorveteGrátis.exe
  • AviãodaMalaysiaArlines.exe
  • Comoganharnamegasena.exe
  • issonaoeumvirus.exe

Pegadinhas de 1º de abril

“Hoax” é uma palavra que descreve muito bem qualquer boato ou notícia falsa que circula pela internet. O grande trunfo dos maiores “hoaxes” do mundo é parecerem tão reais que até mesmo os usuários mais céticos acreditam e compartilham aqueles conteúdos. Foi assim com o Chupa-Cabra, com a chegada do homem à Lua e foi assim com a descoberta da água potável no show do Guns n’ Roses.

Mas quando isso acontece no dia 1º de abril, as informações falsas e distorcidas se tornam apenas brincadeirinhas. O problema é que as pessoas se esquecem de parar no dia 2 de abril e muitas das mentiras se espalham como “chuchu em cerca fértil” — pergunte para o seu avô, ele vai saber o que isso significa. Será que você caiu em alguma delas neste ano? O Tecmundo não fez nenhuma — ou será que fez?

.....

Atenção: este artigo faz parte do quadro "Erro 404", publicado semanalmente no Baixaki e Tecmundo com o objetivo de trazer um texto divertido aos leitores do site. Algumas das informações publicadas aqui são fictícias, ou seja, não correspondem à realidade.

Cupons de desconto TecMundo: