(Fonte da imagem: iStock)

Você já olhou no calendário para saber que dia é hoje? Pois é, estamos no dia 13 de setembro — se você estiver lendo o artigo no dia em que ele foi publicado, é claro — e é uma sexta-feira. Somando esses dois fatores, fica fácil perceber que estamos na temida, horrenda, amedrontadora, aterrorizante e cruel... Sexta-feira 13. A data em que os seres malignos vêm à Terra.

E é aqui eles cometem as piores atrocidades que podemos imaginar — que vão desde o surgimento de nós em fones de ouvido até a queima de USBs em pendrives removidos sem o modo de segurança. Mas será que isso é realidade ou não passa de uma grande lenda urbana que vem ganhando força nos últimos anos? A resposta nós não sabemos, mas é interessante saber por quem você pode ser atacado.

O maníaco do spoiler

Você gosta de assistir aos filmes que são lançamentos no cinema mundial? Se a resposta é “sim” e você vai na sexta-feira 13 para conferir as novas obras que estão disponíveis, é bom tomar muito cuidado antes de sair de casa. É na sexta-feira 13 que o maníaco do spoiler começa a agir e tenta estragar a vida de todos que gostam de um bom filme. E como ele faz isso? Contando tudo para todos.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Se você está andando até o cinema e já sabe a qual filme vai assistir, vai ouvir um homem gritando no meio da rua: O JACK MORRE NO FINAL DE TITANIC E A ROSE JOGA DO CORAÇÃO DO OCEANO NA ÁGUA. Acha pouco? Então é melhor não andar de ônibus ou metrô, pois a qualquer momento ele pode invadir o sistema do transporte público. E então você vai ouvir: “Próxima parada: Estação O FRODO SÓ CONSEGUE DESTRUIR O ANEL NO FINAL DO TERCEIRO FILME”.

Isso sem falar nas investidas mais brutais, como sair da sala do cinema contando o final do filme bem alto para que quem está na fila também consiga ouvir. Ou então assistir à mesma obra várias vezes, para poder gritar o final de cada cena, dentro da própria sala. É perigoso, não é mesmo? Então é bom se cuidar para evitar que isso atrapalhe a sua vida.

As bruxas e os portais do inferno

“Asas de morcego, pernas de barata e uma gota de suor do príncipe da Dinamarca!”. Esses ingredientes deixaram de fazer parte dos feitiços já faz alguns séculos. Atualmente, as bruxas gostam mesmo é de itens tecnológicos para criar poções cruéis e outros artefatos malignos que podem acabar com a vida dos mais destemidos soldados, que formam a resistência do bem.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

E o que essas bruxas querem fazer? Elas querem acabar com os nerds. Pelo menos é isso que diz uma das lendas urbanas mais famosas de todos os tempos: a “Lenda dos Portais do Inferno”. Segundo as escrituras encontradas na Deep Web, um grupo de bruxas bravas decidiu causar o caos na vida dos jovens entendidos de tecnologia. Tudo isso começou depois de um desses jovens mudar o ícone do IE pelo do Chrome em suas máquinas.

Hoje, elas aproveitam o alinhamento dos planetas na sexta-feira 13 para criarem poções que podem abrir os temidos portais, que libertam criaturas malignas prontas para acabar com a vida de qualquer um. “Cristal líquido vazado de um monitor usado por mais de 2.000 horas em jogos FPS” e “mouse com gordura de salgadinho” são necessários para invocar os soldados do outro mundo — e alguns rapazes com moletom de meme que ouvem axé sem fone também.

Cavalinho... Cavalinho... Cavalinho...

Você conhece as lendas dos fantasmas que aparecem quando têm seus nomes chamados por várias vezes em banheiros escuros? Algo similar também ocorre no mundo da tecnologia, quando jovens desavisados adentram as profundezas da Deep Web para buscar soluções simples de como destruir os computadores de seus inimigos — para mais informações, procure por lammer no Google.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Esses jovens — que são odiados pelo mundo hacker — não demoram a encontrar códigos e guias de como fazer com que qualquer computador seja sumariamente destruído. Mas os hackers de verdade sabem como sacanear esses pequenos aprendizes e o fazem com bastante rapidez. É só soltar o tutorial em algum fórum de iniciantes e esperar pelo estrago.

Mas o que acontece exatamente? O tutorial pede para que os jovens coloquem uma máscara e repitam três vezes em frente a um monitor: “Vem cavalinho... Cavalinho... Cavalinho...”. Nisso um trojan é instalado e todos os dados ilegais do computador são apagados. É claro que não se trata de nenhum espírito maligno, são apenas hackers ensinando uma lição para quem quer danificar as máquinas dos outros.

A loira do Bluetooth Banheiro

A lenda urbana da loira no banheiro já é famosa, mas ela nunca foi tão certa quanto atualmente. Por décadas, foi falado que o fantasma de uma garota estava perdido em diversos banheiros, à procura de um suposto noivo que havia abandonado a jovem pouco antes de subir ao altar — e isso explicaria os motivos pelos quais ela aparece com véu e grinalda para quem ainda está vivo.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Parece apenas uma lenda, mas isso é muito mais real do que parece. E qualquer pessoa pode captar os sinais de que ela realmente está por perto. Para isso, basta procurar um banheiro de shopping que esteja próximo a uma igreja no momento de um casamento em uma sexta-feira 13. Depois é só ativar o Bluetooth do seu celular e tirar uma foto sem Flash na direção do espelho. Você vai ver o resultado... Se tiver coragem.

.....

Atenção: este artigo faz parte do quadro "Erro 404", publicado semanalmente no Baixaki e Tecmundo com o objetivo de trazer um texto divertido aos leitores do site. Algumas das informações publicadas aqui são fictícias, ou seja, não correspondem à realidade.

Ilustrações por: Aline Sentone

Cupons de desconto TecMundo: