Algumas salas de cinema ao redor do globo já contam com a tecnologia Dolby Atmos, uma plataforma de som que dá a cineastas a possibilidade de explorar ainda mais algumas nuances sonoras na tentativa de aumentar a imersão do espectador no conteúdo. Porém, isso não estará restrito apenas às telonas, pois a Dolby também vai disponibilizar esse recurso para residências. 

Nos cinemas, o sistema, que foi utilizado em alguns filmes recentes (como “Noé” e “Godzilla”), recorre a várias caixas de som para distribuir os efeitos sonoros pelo ambiente. A engenharia é compatível com sistemas de som 5.1 e 7.1, e as caixas sonoras reproduzem um total de 128 canais de áudio. 

De acordo com o site Gizmodo, a Pioneer anunciou que sua série Elite de caixas de som e receptores vai receber uma atualização no final do ano para se tornar compatível com o Atmos. Foi divulgado ainda que, caso o usuário opte por continuar com os seus acessórios antigos, há a possibilidade de utilizar um módulo como adicional.

Também foi divulgado que a Dolby pretende disponibilizar filmes em Blu-ray (aparelhos que já estão disponíveis no mercado poderão ler as informações contidas no disco) e em serviços de streaming compatíveis com o Atmos no final do ano. 

Cupons de desconto TecMundo: