(Fonte da imagem: Reprodução/Daily Mail)

A Hitachi anunciou nesta quarta-feira (23) a construção do elevador mais rápido do mundo, que deve fazer sua estreia no Centro Financeiro Guangzhou CFT, na China. Programado para ser entregue em 2016, o transporte vai permitir viajar por 95 andares em somente 43 segundos, atingindo a velocidade máxima de 70 km/h durante o trajeto.

O edifício vai abrigar tanto escritórios quanto residências, além de contar com um espaço reservado para serviços de hotelaria. Contando com 111 andares acima do solo e 5 subterrâneos, a construção do Distrito de Tianhe vai contar com 95 elevadores, sendo que somente dois deles vão ser equipados com a nova tecnologia.

O elevador funciona a partir de um motor de ímãs sincrônicos, o que permite a obtenção de velocidades maiores que as convencionais. Para efeitos de comparação, enquanto a novidade percorre 1.200 metros a cada minuto, um elevador convencional atinge velocidades máximas de 600 metros por minuto.

Quebrando novos recordes

Segundo a Hitachi, o transporte vai contar com tecnologias que permitem sua operação de forma confortável e segura para os passageiros, que não vão se sentir afetados pela rapidez do deslocamento. A invenção reforça o histórico positivo da companhia japonesa nesse sentido: em 1968, ela bateu recordes ao criar um elevador capaz de andar 300 metros por minuto, marca surpreendente para a época.

(Fonte da imagem: Reprodução/Daily Mail)

Entre as medidas de segurança aplicadas pela companhia está um sistema de freios capaz de detectar automaticamente quando o elevador opera a velocidades consideradas excessivas. Além disso, os componentes utilizados possuem resistência ao calor, o que garante sua operação correta mesmo em situações extremas.

Cupons de desconto TecMundo: