Você já imaginou como seria terrível viver um dia a dia sem qualquer eletricidade? Então pense que isso, na grande maioria da África, é bastante comum: só na região Subsaariana do continente, estima-se que 620 milhões de pessoas passam a vida sem ela. No entanto, graças a algumas pessoas, como a princesa Abzeita Djigma, esse quadro promete mudar, ainda que lentamente.

Dona de uma companhia de energia solar chamada AbzeSolar, Abzeita, que descende de uma antiga linhagem de guerreiros Mossi de Burkina Faso, tem como objetivo trazer eletricidade renovável e acessível ao povo do Oeste da África. Com isso, a princesa desenvolveu a linha de produtos “Mama-Light”, que conta com aparelhos como luzes para ambientes internos e externos, lâmpadas de leitura, aquecedores de água e até mesmo painéis solares, entre outros.

O dispositivo da imagem, por exemplo, é um aquecedor capaz de armazenar grandes quantidade de água.

Segundo Abzeita, a empresa vai prover uma série de aparelhos para áreas rurais e vilas. Estes, por sua vez, serão vendidos, instalados e mantidos pelos próprios locais (devidamente treinados pela AbzeSolar), garantindo também um aumento na economia.

Para ela, energia é um fator crucial para o desenvolvimento de seu povo, uma vez que o acesso a luz e eletricidade vão dar melhores possibilidades para que as pessoas se eduquem.

Ficou curioso em saber mais sobre o projeto da companhia? Basta conferir o vídeo abaixo. No registro, feito durante um TEDx Talks, a própria Princesa Abzeita explica mais sobre suas ideias:

É claro que uma iniciativa como essas, sozinha, pode demorar muito tempo para ter reais resultados na vida dos africanos. Mas ela não é a única: mesmo que em pequeno número, outras empresas também estão apostando em investidas semelhantes – e todas elas, juntas, têm potencial para fazer a diferença nessa situação.