Operadora Oi deve formular proposta para compra de participação na TIM

1 min de leitura
Imagem de: Operadora Oi deve formular proposta para compra de participação na TIM
Avatar do autor

No universo das grandes corporações, qualquer intenção de aquisição por parte de uma delas sempre acaba virando manchete nos noticiários. A compra do Twitch pela Amazon por US$ 1 bilhão é um bom exemplo da repercussão que esses casos acabam ganhando. O caso mais recente envolvendo transações com valores astronômicos pode acontecer entre duas operadoras de telefonia: a Oi e a TIM.

A Oi manifestou interesse em adquirir a TIM Participações, empresa pertencente ao grupo Telecom Itália, que detém 67% da companhia. Essa porcentagem, em valor de mercado, equivale a aproximadamente R$ 18,4 bilhões. No final da última terça-feira (26), um comunicado divulgado pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) foi assinado pelo Banco BTG Pactual, instituição que formulará a proposta da Oi para a compra.

Toda essa negociação está para acontecer a apenas um mês do importante leilão de licenças de telefonia móvel do 4G. Essa manobra da companhia tem como objetivo amenizar a fragilidade econômica pela qual a empresa passa, situação bem destacada pela dívida deixada no último trimestre pela Oi no valor de R$ 46 bilhões.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Operadora Oi deve formular proposta para compra de participação na TIM