Patente da Apple revela iPhone para ser usado embaixo d'água

1 min de leitura
Imagem de: Patente da Apple revela iPhone para ser usado embaixo d'água
Imagem: Jenna Ezarik/YouTube
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Uma curiosa patente registrada pela Apple surgiu na internet recentemente: segundo documentos compartilhados pelo Gizmochina, a companhia está trabalhando em um iPhone que detecta quando está embaixo da água e adapta sua interface para aprimorar o uso quando está submerso.

Chamada de "interface de usuários subaquática", a patente descreve uma tecnologia que funcionaria com os sensores do iPhone e o sistema operacional iOS. A novidade permitira que o celular reconhecesse quando está submerso. Em seguida, o SO se adaptaria às condições, deixando a interface simplificada e melhorando o uso embaixo da água.

A patente visa melhorar o uso do iPhone dentro da águaA patente visa melhorar o uso do iPhone dentro da águaFonte:  CNET 

Ao que tudo indica, a patente serviria para a criação de um iPhone amigável para quem pratica esportes aquáticos ou simplesmente tem o costume de capturar imagens na piscina, por exemplo. Segundo descreve o registro, a interface dos smartphones atualmente é "limitada e ineficiente" quando usada embaixo da água. Com a nova tecnologia, a Apple pode desenhar uma tela inicial amigável e simplificada para esse tipo de uso.

Orientação que acompanha o rosto

Além da interface subaquática, a Apple também registrou outra patente que apareceu online recentemente: uma tecnologia que usa reconhecimento facial para ajustar a rotação da tela do smartphone.

a  Business Insider 

Segundo descreve o registro, os sensores do smartphones reconheceriam se o usuário está deitado, por exemplo, e deixariam a exibição da interface na orientação vertical, ao invés de horizontal. Apesar de ser uma alteração sutil, a novidade faria a diferença durante o dia a dia para muitos usuários.

Como de costume, o registro de patentes só indica que a Apple pode trabalhar com as tecnologias, que talvez acabem nunca ganhando vida. Por outro lado, também existe a possibilidade das funções darem as caras nas futuras versões dos celulares da marca. Será que teremos alguma das novidades na linha iPhone 12, que deve chegar na segunda metade do ano?

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Patente da Apple revela iPhone para ser usado embaixo d'água