iPhone 11: consumidores reclamam de riscos após poucos dias de uso

1 min de leitura
Imagem de: iPhone 11: consumidores reclamam de riscos após poucos dias de uso
Avatar do autor

Há poucas semanas nas lojas, os iPhones 11, 11 Pro e 11 Pro Max já receberam muitos elogios. Entretanto, agora começaram também as primeiras críticas por parte dos consumidores — e todas falam sobre o mesmo problema. Aparentemente, a tela e o corpo do aparelho não são tão resistentes quando a Apple afirmou.

Segundo vários relatos no site de suporte da empresa e em redes sociais, os modelos riscam facilmente com poucos dias de uso. Na apresentação, a empresa dizia que esse era "o que há de mais resistente em um smartphone".

Os depoimentos indicam que os consumidores costumam colocar os celulares no bolso e em superfícies lisas, sem descuidos e quase sempre sem outros itens dentro — como chaves, que poderiam de fato riscar o dispositivo.

"O iPhone 11 de mais alguém riscou super facil? Eu nunca tive um protetor de display em outros iPhones e tive o meu último modelo por três anos. A tela dele parece perfeita até agora. Menos de uma semana com o iPhone 11 e minha tela já tem 4 ou 5 riscos bem visíveis", disse um dos consumidores no Twitter. No fórum de suporte da Apple, já são algumas dezenas de relatos similares — o que ainda não significa que se trata de um problema crônico em todos os modelos, mas indica que você deve ter cuidado no manuseio e onde guarda o seu celular.

Por enquanto, a Apple não se pronunciou a respeito das reclamações.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
iPhone 11: consumidores reclamam de riscos após poucos dias de uso