Asus Zenfone Max Pro (M2) estreia no Brasil com preço competitivo

1 min de leitura
Imagem de: Asus Zenfone Max Pro (M2) estreia no Brasil com preço competitivo
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Embora já tenha sido lançado há algum tempo no exterior, a Asus fez os fãs brasileiros aguardarem mais alguns meses para a chegada do Asus Zenfone Max Pro (M2). Felizmente, agora o aparelho chegará ao Brasil oficialmente e com preço atraente.

O Zenfone Max Pro (M2) é sucessor do intermediário “premium” da companhia, o Max Pro (M1). Com mesmo propósito, o novo dispositivo é focado em performance e autonomia de bateria e com um valor mais acessível — embora não se iguale aos baratinhos na faixa de R$1.000.

O smartphone vem com bateria de 5.000 mAh; tela fullHD+ com display de 6,26’’; Qualcomm Snapdragon 660; 4 GB de RAM e armazenamento variando de 32 GB a 64 GB. Além disso, o Android Oreo instalado no aparelho é algo bastante próximo do “Android puro”, ou seja, interface da Google e funções pouco alteradas pela Asus.

(Fonte: Asus/Divulgação)

Um moderninho “barato”

A fabricante alega que o dispositivo oferece 10 horas de jogo ou 19 horas de filme sem precisar de carregador; com uso moderado (redes sociais com poucos vídeos, troca de mensagens e sem dados móveis), provavelmente o dispositivo poderá durar até 2 dias com folga. Há também promessas mais audaciosas, como autonomia de 35 dias em stand by conectado ao 4G.

A tela é protegida com tecnologia Gorilla Glass 6, assim como a carcaça do aparelho. Ademais, cobre boa parte da frente do aparelho — com bordas inferior e superior mais espessas — e dá espaço para os sensores em um notch bastante evidente.

Câmeras e performance

O Snapdragon 660 e 4 GB de RAM colocam o Zenfone Max Pro (M2) acima da média entre os dispositivos atuais — embora não deva ser comparado a flagships. O aparelho deve ser capaz de rodar boa parte das aplicações da Google Play Store e não oferecer engasgos rotineiros na navegação entre páginas e apps.

(Fonte: Asus/Divulgação)

Os sensores de câmeras também não fazem feio. A parte traseira conta com flash LED e duas câmeras, a principal delas é o Sony IMX486, que conta com Estabilização Eletrônica de Imagem e abertura f/1.8; a secundária, por outro lado, oferece um campo de visão de 84° e possibilita detecção de profundidade para auxiliar na aplicação do desfoque de fundo.

O preço oficial do Zenfone Max Pro (M2) é R$ 1.529,10 à vista ou R$1.699 prazo; já na versão mais cara, o valor vai de R$1.619,10 à vista ou R$1.799 a prazo.

Cupons de desconto TecMundo:

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Asus Zenfone Max Pro (M2) estreia no Brasil com preço competitivo