Imagem de: Câmera sob a tela da Oppo deve deixar a desejar na qualidade das fotos

Câmera sob a tela da Oppo deve deixar a desejar na qualidade das fotos

1 min de leitura
Avatar do autor

No começo de junho, a Oppo exibiu um protótipo de telefone com câmera sob a tela, sem notch, furo ou recursos como lente pop-up. Na última quarta-feira (19), a empresa deu a entender que apresentará a nova tecnologia no Mobile World Congress Shanghai, na próxima quarta-feira (26).

Um dia antes do evento, porém, o vice-presidente da Oppo, Brian Shen, afirmou na rede social chinesa Weibo estar preocupado com qualidade da imagem que a câmera sob a tela pode gerar. O executivo falou que a nova tecnologia ainda não consegue gerar imagens com a mesma qualidade que uma câmera convencional.

"O resultado das imagens não deve ser tão esperado, a aplicação da nova tecnologia não é tão suave. Mas depois do que será apresentado na conferência, os celulares ficarão mais limpos",  disse Shen.

ECRÃ(Fonte: Weibo/ Reprodução)

Ousadia?

O depoimento de Shen mostra que nem sempre ter a capacidade de produzir inovação é sinônimo de qualidade  como bem vimos no caso do Samsung Galaxy Fold. Mas o fato de expor a tecnologia ao mercado faz com que outras empresas se adiantem para replicá-la e, assim, melhorá-la ao longo do tempo.

Por mais que a Oppo seja uma das primeiras a apresentarem a câmera sob a tela, na tentativa de aumentar o espaço do ecrã outras empresas como Xiaomi e Vivo já estão produzindo sua própria versão da tecnologia.

Vale lembrar que outros recursos comuns hoje em dia, como leitura de digital, também tinham qualidade questionável quando foram lançados e só após sua popularização se tornaram realmente bons.

Ainda não se sabe em qual modelo a Oppo pretende lançar a tecnologia e nem quando isso acontecerá.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Câmera sob a tela da Oppo deve deixar a desejar na qualidade das fotos