Galaxy S10 tem modelo homologado no Brasil e deve vir com chipset Exynos

1 min de leitura
Imagem de: Galaxy S10 tem modelo homologado no Brasil e deve vir com chipset Exynos
Avatar do autor

A família Galaxy S10 está chegando e embora muitas informações tenham vazado para o público, bastante se especula sobre sua chegada ao Brasil.  Ao que tudo indica, não deve demorar muito, pois um de seus modelos já está certificado junto à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

O registro flagrado pelo pessoal do Tudo Celular no próprio site da Anatel mostra códigos que apontam para as particularidades da versão nacional do aparelho. O SM-G973F/DS, por exemplo, deve vir com a bateria EB-BG938ABU, com capacidade de 3.000 mAh.

O “F” presente nessa referência pode indicar o processador Exynos e o “DS” seria Dual-Sim. Isso seria uma surpresa, porque o chipset do Galaxy S9 por aqui foi o Snapdragon. E qual seria essa variante? Bem, se a Samsung mantiver o padrão com final “0”, essa descrição com “3” deve ser a do Galaxy S10 Lite.

Veja abaixo:

O SM-G973X costuma ser utilizado como unidade de vitrine e não deve ser comercializado. Segundo o documento, o dispositivo deve ser apresentado em um prazo de 120 dias. Como o anúncio oficial está marcado para o dia 20 de fevereiro, é bem possível que a nova fornada da Sammy esteja nas prateleiras tupiniquins no final de abril ou começo de maio — mais ou menos na mesma época da chegada do Galaxy S9 por aqui.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Galaxy S10 tem modelo homologado no Brasil e deve vir com chipset Exynos