De acordo com informações de um site alemão chamado AllAboutSamsung, a nova linha de intermediários da Samsung, a Galaxy M, deve ser bastante interessante. Segundo a publicação, o Galaxy M20 contaria com uma bateria bastante robusta, com 5.000 mAh.

Esse seria, portanto, um dos primeiros smartphone da Samsung a trazer uma capacidade de carga dessa magnitude para o mercado. Mas isso o faria ser maior que o mais recente Galaxy A8s, por exemplo, com 1 mm a mais de espessura. Diferente do A8s, entretanto, o novo celular traria, sim, um plugue de 3,5 mm para fones de ouvido.

O mesmo site ainda diz que esse seria o primeiro celular a vir com uma tela Infinity-U da Samsung. Com isso, podemos esperar bordas bastante finas em volta do display e um notch em forma de gota, como o do OnePlus 6T, ou, no pior dos casos, similar ao do Essential Phone.

galaxy m20Conceito do Galaxy M20 baseado em vazamentos e rumores sobre o dispositivo (fonte: AllAboutSamsung)

No que diz respeito a câmeras, o Galaxy M20 teria um sensor frontal de 8 MP e dois traseiros de 13 e 5 MP. Não sabemos ainda sobre qualquer função especial para esse conjunto fotográfico.

Em benchmarks, o M20 foi flagrado funcionando com um chipset Exynos 7885 feito pela própria Samsung, combinado com 3 GB de RAM. Todas essas especificações indicam que o novo celular da sul-coreana deve ser um concorrente intermediário para aparelhos como os Moto G mais avançados e não para os Moto E de entrada, como se imaginava há algum tempo.

A nova linha Galaxy M deve substituir todos os aparelhos das famílias Galaxy J, C e On.

Android defasado

Assim como o Galaxy M10, M20 também deve chegar ao mercado com o Android Oreo 8.1 instalado de fábrica, em vez do mais recente Android Pie. Isso porque a Samsung tem o costume de fazer com que os seus top de linha da família Galaxy S sejam sempre os primeiros aparelhos da marca a trazerem o novo software. Infelizmente, isso deixa a sul-coreana atrasada mais de 6 meses na corrida por atualizações do robô.

Rumores indicam que os primeiros Galaxy M seriam distribuídos inicialmente em mercados do Oriente Médio, da Ásia e da África. Só depois é que eles chegariam ao resto do mundo. Ainda não temos qualquer indicação sobre o possível preço do M20, tampouco do M10.

Cupons de desconto TecMundo: