Pokémon Go é um sucesso absoluto e revolucionou não só os jogos pra smartphone, mas também a principal tecnologia por trás dele, que a realidade aumentada. Ela permite que você adicione elementos virtuais em um ambiente real, tipo naves batalhando em cima da sua mesa ou um Pokémon aparecendo no meio da rua.

A gente sabe que tem gente que nunca curtiu o jogo da Niantic, que ainda joga ou até já enjoou. Mas o fato é que todo mundo curte esse tipo de jogo, e o TecMundo selecionou outros títulos mobile pra Android e iOS que se aproveitam ao máximo da realidade aumentada. Será que você vai descobrir coisa nova nessa lista?

1. Ingress

Ingress é um título bastante competitivo em que o seu objetivo é descobrir fontes de uma energia misteriosa e lutar pelo controle de territórios. Você escolhe um lado entre Iluminados e Resistência e até se comunica com aliados pra definir estratégias. Esse é o jogo da Niantic anterior ao Pokémon Go e tem vários elementos parecidos, como usar o seu GPS e o mapa do celular como cenário do próprio game.

Um jogo.

Ingress ainda tem uma base de jogadores bastante alta e é uma alternativa pra quem não curte a temática dos monstrinhos, mas quer experimentar mecânicas parecidas.

2. Jurassic World: Com Vida

Essa é uma alternativa pra quem não gosta de Pokémon, mas é fanático por dinossauros. Em Jurassic World: Com Vida, várias espécies estão a solta no mundo real e precisam ser capturadas. O esquema aqui também usa o mapa e o GPS, só que de forma bem mais extrema.

Um mapa.

Você pode formar um time com os seus dinos favoritos, do velociraptor ao Indominus Rex, criar novos animais híbridos igual ao novo arco de filmes Jurassic World e batalhar contra outras equipes. A parte de realidade aumentada até permite que você insira os animais em cenários reais pra tirar fotos e compartilhar com os amigos.

3. The Walking Dead: Our World

Uma das séries mais badaladas dos últimos anos também não perdeu o bonde da realidade aumentada. Em The Walking Dead: Our World, o mundo real foi infestado por zumbis e cabe a você montar um time de elite, eliminar os mortos-vivos próximos e sobreviver.

Um jogo.

São várias as opções de personalização de equipe com os vários personagens da série baseada nos quadrinhos de Robert Kirkman, além de opções pra melhorar o seu arsenal. O jogo é atualizado com frequência e até já recebe conteúdos da nona temporada do seriado do canal AMC.

4. Zombies, Run!

Falando em zumbis, eles também podem ajudar você a entrar em forma. Afinal, não dá pra sobreviver numa rua cheia de criaturas sedentas por carne humana sem estar em forma! E essa é a proposta de Zombies, Run!, um aplicativo que mistura jogo em realidade aumentada com estilo de vida.

Um jogo.

O jogo existe desde 2012 e coloca você no papel de um sobrevivente que literalmente precisa correr pra se salvar. Quando você andar ou corre na vida real, o GPS do celular registra tudo isso, e você vai cumprindo missões no game que vão de resgatar outras pessoas até conseguir suprimentos. Essas recompensas só aumentam a sua vontade de ir um pouco mais além, e quem sabe até virar um corredor habitual.

5. Just a Line

Mas não é só de jogos que vive a realidade aumentada. Em Just A Line: Draw in AR, você cria montagens divertidas em tempo real fazendo desenhos no que vai ser capturado pela câmera do smartphone. Dá pra incluir elementos, fazer brincadeiras com o cenário e muito mais.

Um jogo da velha.

Você ainda pode fazer desenhos colaborativos conectando o seu aparelho com o de um amigo e compartilhar o conteúdo nas redes. Esse é um projeto originalmente feito pela Google, mas que funciona normalmente tanto no Android quanto no iOS.

6. Knightfall AR

Knightfall AR é um jogo totalmente diferente dos outros da lista, porque aposta na projeção de um cenário inteiro em locais reais, mas só se você estiver vendo isso na tela do seu aparelho.

Um jogo.

Essa experiência cria uma batalha medieval em uma superfície como uma mesa ou até no chão da sua casa, e funciona no estilo tower defense. Você precisa defender um território e vencer ondas de inimigos usando flechas e catapultas. Ele foi uma das primeiras experiências em realidade aumentada da Apple, mas hoje está disponível também no Android.

7. The Machines

The Machines é outra experiência de realidade aumentada desenvolvida com as tecnologias ARKit da Apple, mas essa aqui por enquanto é exclusiva para iPhone ou iPad.

Um jogo.

Esse é um jogo multiplayer competitivo que simula uma batalha de mechas e outros robôs, com cenário e tudo mais. A jogabilidade mistura o tower defense com estratégia em tempo real, e poder combater um amigo que esteja do seu lado com o tablet ou smartphone em mãos é o grande diferencial. Ele foi tão ambicioso pra época que foi apresentado durante uma conferência da Apple, mais precisamente na revelação do iPhone X em setembro de 2017.

8. ARise

Um jogo.

ARise é um jogo que mistura puzzle e plataforma, também seguindo a proposta de construir um cenário na sua mesa ou no chão da sala. Aqui, você precisa usar ângulos e perspectiva pra resolver enigmas e avançar numa jogabilidade simples, mas que diverte e traz tudo o que a realidade aumentada faz de melhor atualmente. Os gráficos são coloridos e bem feitos, e esse título é facilmente recomendável pra todas as idades.

9. Amon

Um aplicativo.

Amon vai por um caminho completamente diferente dos anteriores. Aqui, você precisa conectar peças de esculturas no ângulo certo pra formar obras e seguir de fase, seguindo os rastros de Amon, o deus do Ar. Para isso, é preciso se mexer e também mover o aparelho pros lados, além de usar fones de ouvido pra uma experiência ainda mais imersiva. Fora a versão em realidade aumentada exclusiva pra dispositivos iOS, ele também está disponível em versão de realidade virtual para PC.

Menções honrosas

Como menções honrosas, ficam dois jogos que ainda não foram lançados. O público espera ansiosamente por Harry Potter Wizards Unite, da Niantic, que com certeza será um sucesso e vai capturar a base de fãs do universo dos bruxos.

Uma logo.

E tem também Wingnut AR, jogo de um estúdio comandado por ninguém menos que Peter Jackson, diretor da franquia O Senhor dos Aneis. A demo mostrada na WWDC 2017 mostrava uma cidade sendo atacada por naves e o jogo até agora não virou realidade, com a empresa focando em desenvolver apps de menor complexidade pro headset Magic Leap.

Uma mesa.

Curtiu o conteúdo? Então assine o canal do TecMundo no YouTube para mais vídeos como esse. Até a próxima!