Após alguns meses de espera, finalmente começa a pré-venda do HTC Exodus, o primeiro smartphone blockchain do mundo. Até que as vendas oficiais sejam iniciadas de fato, só é possível comprar o dispositivo usando as criptomoedas bitcoin ou ethereum. O aparelho foi anunciado em maio deste ano pela fabricante taiwanesa.

HTC confirmou, ainda, as especificações completas para o gadget que oficialmente é chamado de Exodus 1. Ele vem com tela de 6 polegadas com resolução QHD+ e proporção 18:9, Snapdragon 845, 6 GB de RAM, 128 GB para armazenamento interno, câmera traseira dupla de 12 MP + 16 MP, câmera frontal dupla de 8 MP + 8 MP, bateria de 3.500 mAh e Android Oreo.

Como outros modelos da HTC, o Exodus 1 conta com a nova versão do sistema de bordas sensíveis à pressão da fabricante, o Edge Sense 2. Isso facilita a utilização com uma única mão do aparelho porque o usuário pode personalizar recursos acionados por meio deste tipo de movimento.

HTC Exodus 1HTC Exodus 1 já está em pré-venda. (Fonte: HTC)

Segurança

Um dos pontos destaque do Exodus 1 é um sistema de recuperação social de dados caso o aparelho seja perdido ou roubado. Esse mecanismo permite que o usuário defina amigos confiáveis por meio dos quais poderá recuperar os dados perdidos, tudo com o apoio de um algoritmo secreto de compartilhamento.

A HTC informa, também, que o seu smartphone blockchain terá suporte para chaves de recuperação e carteiras digitais fabricadas por terceiros. Isso significa que quem possui criptomoedas poderá escolher outra solução que julgue mais viável e segura.

Preço e disponibilidade

Em pré-venda no site oficial, o HTC Exodus 1 poderá ser arquirido por 0,15 BTC ou 4,78 ETH, valor equivalente a cerca de R$ 3.500 em conversão direta. O dispositivo estará à venda em 34 países espalhados por América do Norte, Europa e Ásia, mas não será vendido na China por restrições do país asiático ao comércio de criptomoedas.