A Google anunciou hoje o Pixel Slate e retorna ao mercado de tablets após quase quatro anos — o último lançamento foi o do Nexus 9, em dezembro de 2014. Diferente das iniciativas anteriores, todas fracassadas, a empresa resolveu abandonar o Android e dotar o seu novo portátil com o Chrome OS, como já apontavam os rumores dos últimos meses.

O produto tem tela LCD de 12,3 polegadas com resolução de 3000x2000 pixels e opções com 8 GB e 16 GB de RAM, pronto para se transformar em um notebook com uma capa com teclado e trackpad, o Pixel Slate Keyboard.

O Pixel Slate é o primeiro Chrome OS com suporte a identificação biométricatraz e tem câmeras frontal e traseira de 8 megapixels. O portátil conta, ainda, com dois alto-falantes frontais e a fabricante garante que eles complementam de forma eficaz a experiência multimídia.

pixel slatePixel Slate começa a ser vendido neste ano com preços a partir de US$ 599. (Fonte: Google)

Especificações

  • Tela: LCD de 12,3 polegadas com resolução 3000x2000 pixels
  • Processador: Intel Celeron, Intel Core m3 de 8ª geração, Intel Core i5 de 8ª geração ou Intel Core i7 de 8ª geração
  • Memória RAM: 4 GB, 8 GB ou 16 GB
  • Armazenamento interno: 62 GB, 128 GB ou 256 GB
  • Câmeras: 8 MP (frontal e traseria)
  • Dimensões: 290,85 x 202,04 x 7 milímetros
  • Bateria: 48 Wh
  • Conectividade: 2x USB-C, saída 4K e transferência rápida de dados

Mais recursos

O Pixel Slate oferece uma entrada USB-C em cada lateral, tem leitor de digitais também na lateral evem conectores na base para ser acoplado ao teclado e funcionar como um computador portátil convencional. Ele também conta com suporte para a caneta Pixelbook Pen, que a Google vende separadamente.

O Chrome OS foi redesenhado para uma experiência aprimorada em uma tela sensível ao toque. Além disso, o sistem já conta com suporte para programas Android e conta com uma loja própria de apps e, agora, tem suporte para programas de Linux. O sistema conta com um modo "Não Perturbe" e traz o sistema "Night Light", que muda a temperatura dos tons da tela a fim de facilitar seu uso na hora de dormir.

Pixel SlateChrome OS foi redesenhado para suporte a uma tela sensível ao toque. (Fonte: Google)

Preço e disponibilidade

O novo tablet estará disponível para venda ainda neste ano a partir de US$ 599 (cerca de R$ 2.300), enquanto o Pixel Slate Keyboard sai por US$ 199 (cerca de R$ 750) e o Pixelbook Pen tem preço oficial de US$ 99 (cerca de R$ 370). Quem comprar o Pixel Slate ganha acesso gratuito por três meses ao serviço de TV da Google, o YouTube TV.

As vendas acontecem apenas no Canadá, nos Estados Unidos e no Reino Unido e não há previsão de quando (nem se) o produto será lançado em outros mercados.

O Pixel Slate oferece uma entrada USB-C em cada lateral, tem leitor de digitais também na lateral evem conectores na base para ser acoplado ao teclado e funcionar como um computador portátil convencional. Ele também conta com suporte para a caneta Pixelbook Pen, que a Google vende separadamente.

O Chrome OS tem suporte para programas Android e conta com uma loja própria de apps. Há, ainda, uma novidade: o Pixel Slate terá suporte para programas de Linux, ampliando ainda mais as possibilidades especialmente para desenvolvedores.

Cupons de desconto TecMundo: