Apps criados para gravar chamadas telefônicas sempre levantam certa polêmica quando se fala em privacidade. Há regras diferentes de acordo com o país ou a região e isso dificulta a vida de quem cuida do sistema operacional dos dispositivos móveis, neste caso a Google. A companhia já havia removido a API com essa funcionalidade do Android 6.0 Marshmallow e para utilizar atualmente é necessário baixar um software de terceiros. Com o Android 9.0 Pie as coisas serão diferentes.

Segundo relata o site Piunikaweb, alguns desenvolvedores, a exemplo dos criadores do Call Recorder - ACR e do BoldBeast Android Call Recorder já estão avisando os usuários que seus utilitários não terão suporte para o novo SO da Gigante das Buscas.

“Gostaríamos de informar nossos usuários de que não haverá solução alternativa de gravação de chamadas no Android 9 ou superior. Nenhum aplicativo de gravação de chamadas poderá fazer isso. Felizmente, poucos desenvolvedores encontraram uma solução alternativa e funcionou até o Android 8.1. Infelizmente, descobrimos que o Google fechou essa solução alternativa para o Android 9”, diz a ACR.

android

Seria possível continuar gravando as chamadas fazendo modificações no root do aparelho — o que não é aconselhável porque assim ele perde sua garantia. Outras informações dão conta de que a Google estaria trabalhando em uma maneira de identificar o registro das conversas por meio de um alerta que poderia ser ouvido por quem está falando a cada 15 segundos.

Há ainda a possibilidade de companhia embutir seu próprio app para isso, com medidas que já estejam de acordo com as leis de privacidade da maioria das localidades. A empresa de Mountain View por enquanto não falou nada a respeito.

Cupons de desconto TecMundo: