Se você está aqui, é possível que tenha decidido comprar um celular da Samsung e que esteja disposto a desembolsar um pouco mais de dinheiro para garantir uma experiência melhor. Mesmo com esses pontos já estabelecidos, uma dúvida provavelmente ainda resta: o principal top de linha e o intermediário premium mais atuais da coreana são diferentes o suficiente para valer o grande investimento extra?

Essa é uma questão bastante frequente entre as pessoas que nos fazem perguntas por meio das redes sociais e nos comentários dos nossos textos e vídeos, então resolvemos comparar os dois modelos que testamos recentemente, o Galaxy A8+ e o S9+. Vamos ver agora qual deles vale mais a pena.

Design: conceitos parecidos, mas não o bastante

No quesito design, ambos têm muito em comum – e ao mesmo tempo são bem diferentes. Tanto o A8+ quanto o S9+ são feitos de vidro nas partes da frente e de trás, com metal nas laterais. Na traseira, até a posição do sensor de digitais é igual, então a principal diferença é a câmera extra do top de linha. Se estivéssemos comparando as versões menores dois, até mesmo a quantidade de sensores seria igual.

A diferença visível está na parte da frente. Por mais que o A8+ tenha a mesma proporção de tela de 18,5:9 que o S9+, a ausência da borda Edge faz o intermediário ter um menos impacto visual consideravelmente menor e ficar com um corpo maior, mesmo com uma tela de dimensões menores. Com isso, por mais que a Samsung diga que os dois têm Display Infinito, só o top de linha parece realmente fazer jus a esse nome. Seja como for, pelo menos ambos vêm com capinhas na caixa, continuam tendo entrada para fone de ouvido e são resistentes a água e poeira com certificação IP68.

Samsung Galaxy A8+ vs S9+

Tela: vantagem mínima do S9+

Falando agora do display, os dois aparelhos têm a tecnologia Super AMOLED como base, então a qualidade de reprodução de cores, a profundidade dos pretos e o nível de contraste são igualmente ótimos em ambos. As dimensões são bem próximas, com o A8+ vindo com 6 polegadas e o S9+ com 6,2 polegadas. Aqui, a tecnologia Edge faz a tela maior do top de linha parecer menor em um primeiro momento, mas durante o uso a experiência é muito boa em qualquer um deles.

A maior diferença é a resolução máxima, que é Full HD+ no intermediário e Quad HD+ no top de linha. Isso faz com que o aparelho mais caro tenha uma densidade de pixels maior e, portanto, consiga exibir mais detalhes nas imagens. Mesmo assim, considerando que estamos falando de celulares, você provavelmente só notaria um benefício real desse fator na hora de curtir conteúdo em realidade virtual em um Gear VR, por exemplo.

Samsung Galaxy A8+ vs S9+

Desempenho: S9+ bem mais poderoso

O hardware é a parte em que notamos estão as maiores diferenças. O Galaxy A8+ vem com o processador Exynos 7885, 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento, enquanto o S9+ chegou aqui no Brasil com o Snapdragon 845, 6 GB de RAM e 128 GB de espaço interno – e os dois deixam você usar um cartão micro SD para salvar suas fotos, músicas, vídeos e outras coisas.

Com todas essas diferenças, é inegável que o top de linha tem mais poder de fogo que o intermediário, e por causa disso vai conseguir fazer tudo com mais velocidade e rodar aplicativos e games pesados com qualidade superior. Mas isso quer dizer que o A8+ não consegue rodar de tudo? Não.

Samsung Galaxy A8+ vs S9+

O intermediário oferece uma experiência de uso muito boa para o cotidiano e até consegue aguentar jogos exigentes como PUBG Mobile sem travar. Ele apenas exibe quedas de desempenho se você colocar os gráficos no máximo, coisa que o top de linha consegue aguentar sem sofrer.

Interface: dianteira temporária do S9+

O software é outro ponto em que o top de linha está na frente, mas talvez não por muito tempo. O Galaxy A8+ vem de fábrica com a interface Samsung Experience 8.5, baseada no Android Nougat. Enquanto isso, o S9+ sai da caixa com a versão 9.0 da plataforma da coreana, que já tem o Oreo como base.

Visualmente, as diferenças entre as duas não são muitas, mas o top de linha chega com mais recursos práticos, incluindo tanto novidades do sistema do robozinho verde quanto adições feitas pela própria Samsung. Esse é o caso do modo picture in picture para aplicativos e também dos comandos de voz da Bixby, que podem ser usados no top de linha se você souber falar inglês. De qualquer forma, é uma questão de tempo até o A8+ receber uma atualização para o Oreo, o que provavelmente o deixaria apenas sem os recursos de voz da assistente pessoal.

Samsung Galaxy A8+ vs S9+

Câmeras: S9+ superior

Indo para as câmeras, ambos os aparelhos permitem que você faça fotos ótimas, mas há algumas diferenças. Na traseira, o A8+ vem com apenas um sensor de 16 MP com abertura de f/1.7, enquanto o S9+ traz dois sensores de 12 MP, um com lente comum e abertura variável entre f/1.5 e f/2.4 e outro com abertura fixa em f/2.4, mas zoom ótico de duas vezes.

Na prática, os dois conseguem fazer ótimas fotos durante o dia também têm resultados muito bons de noite, mas as tecnologias extras do top de linha garantem que tanto imagens em lugares com luz demais quanto fotografias tiradas no escuro vão sair com mais definição, exposição mais equilibrada e qualidade melhor de forma geral.

Fotos tiradas com o Galaxy A8+:

Na hora dos vídeos, as vantagens do S9+ aumentam bastante. O A8+ é limitado à resolução Full HD e vem com boa estabilização eletrônica, mas de vez em quando dá umas engasgadas misteriosas e não vai muito além do básico. Já o top de linha chega à resolução 4K com taxas de até 60 quadros por segundo, tem slow motion em Full HD a 240 fps e até o modo super câmera lenta em HD a 960 fps, com resultados bem legais sob a luz do sol.

Já na parte da frente, aí é o intermediário que chega com dois sensores, sendo um de 16 MP com lente normal e outro de 8 MP com lente wide, mas a angulação é só um pouco maior – ambos têm abertura de f/1.9. Por sua vez, o top de linha vem com um só sensor de 8 MP e abertura de f/1.7. Mesmo com os kits diferentes, a qualidade de imagens dos aparelhos é parecida, com selfies boas de dia, mas com exposição excessiva no modo automático se a luz estiver muito forte. No escuro, ambos sofrem com um pouco de ruído e dificuldade no foco, mas os resultados são aceitáveis.

Fotos tiradas com o Galaxy S9+:

Um ponto legal de destacar é que os aparelhos vêm com a função de Foco Dinâmico, que permite escolher a intensidade do desfoque no fundo as imagens antes ou depois de bater as fotos. A diferença que é o A8+ traz esse recurso nas câmeras frontais, enquanto o S9+ reserva isso para os sensores traseiros. Fora isso, o top de linha tem o AR Emojis, mas eles não funcionam muito bem, então esse não é um grande diferencial.

Bateria: A8+ aguenta mais utilização

Por mais que os dois aparelhos tenham baterias de 3.500 mAh, a durabilidade deles é diferente. No nosso teste de stress, com reprodução contínua de um vídeo no YouTube com o brilho da tela no máximo, o A8+ teve um consumo que permitiria aguentar ótimas 12 horas e meia antes de ficar sem energia. Já o S9+ ficou em uma média de 10 horas, o que ainda é um bom resultado, mesmo que não tanto quando o do intermediário. Mesmo assim, o top de linha deixa você reduzir a resolução da tela para fazer a bateria durar um pouco mais, o que ajuda em caso de necessidade.

Basicamente, isso tudo significa que no uso cotidiano os dois aparelhos aguentam um dia inteiro longe da tomada. O intermediário só dá um pouco mais de folga para isso. Seja como for, ambos conseguem ir de zero a 100% em 1 hora e 40 minutos com os carregadores que vêm na caixa, então os usuários mais intensivos podem ficar tranquilos.

Samsung Galaxy A8+ vs S9+

Preço: dois pelo preço de um

Na loja oficial da Samsung, o Galaxy A8+ está sendo vendido por R$ 2,4 mil, enquanto o S9+ sai por R$ 4,6 mil. Já se você pesquisar nos varejistas e estiver disposto a pagar à vista, é possível encontrar o intermediário por valores a partir de R$ 2 mil e o top de linha com preços começando em cerca de R$ 4.050, dependendo da promoção.

Considerando tudo o que vimos aqui, não dá para negar que o S9+ é sim um aparelho mais interessante em praticamente todos os quesitos, especialmente no hardware. Mesmo assim, a diferença de mais de R$ 2 mil entre os valores faz ser muito difícil recomendar a escolha do top de linha, especialmente se considerarmos que o A8+ é sim um celular bastante competente.

Samsung Galaxy A8+ vs S9+

A única ressalva que podemos fazer aqui é que aparelhos top de linha do ano passado, como o Moto Z2 Force e o próprio S8+ da Samsung já estão saindo por valores próximos ao do intermediário. Com isso em mente, o fator custo-benefício acaba pendendo para o lado deles.

-----

Versão do Sistema Operacional-Android 8.0 Oreo
Tipo de Tela-Super AMOLED
Tamanho de Tela-6,2 polegadas
Resolução de Tela-Quad HD+ (1440 x 2960 pixels)
Chipset-Qualcomm Snapdragon 845 (MSM8998)
Memória RAM-6 GB
Armazenamento Interno-128 GB
Cartão de Memória-MicroSD de até 512 GB
Câmera Traseira-12 MP (f/1.5-2.4, 26mm, 1/2.55", 1.4µm) + 12 MP (f/2.4, 52mm, 1/3.6", 1µm)
Capacidade de Bateria-3500 mAh

Mas e aí, o que você achou do Galaxy A8+ e do S9+? Deixe a sua opinião nos comentários abaixo. Se você decidiu comprar um dos celulares que citei aqui, confira os links a seguir para encontrar os melhores preços atuais. Outra opção é clicar aqui para instalar a extensão do TecMundo Descontos para o Chrome e receber notificações quando o aparelho que você quiser entrar em promoção.

Opções de compra

Cupons de desconto TecMundo: