Você quer um Google Pixel no Brasil? A importação é o único caminho. Porém, isso poderá mudar em breve, já que a Google está mirando os mercados emergentes com as iniciativas presentes no Android One e Android Go. Dessa maneira, segundo o Economic Times, a companhia também deve lançar um Google Pixel intermediário para mercados que buscam aparelhos mais baratos.

Além de um smartphone Pixel, os relatos indicam que a Google pode levar um notebook premium Pixelbook aos mercados emergentes

Isso deverá acontecer entre julho e agosto deste e, enquanto não há qualquer palavra sobre o Brasil, há quase uma certeza sobre a Índia. Samsung e Apple já preparam ações similar no país que, atualmente, é um mercado emergente bem agressivo.

Mês passado, executivos da Google comentaram o seguinte sobre planos de expansão: "A Google está ansiosa para expandir seus produtos na Índia com o advento da internet 4G mais barata (...) que pode ajudar a maximizar o potencial destes produtos".

Além de um smartphone Pixel, os relatos indicam que a Google pode levar um notebook premium Pixelbook, os falantes inteligentes Google Home e produtos de automação doméstica aos mercados emergentes.