Em novembro do ano passado, a Asus lançou o seu primeiro smartphone com tela no formato 18:9 — aquele mais moderno e mais alongado — o ZenFone Max Plus M1. Inicialmente, o modelo era exclusivo do mercado russo e, um mês depois, estava sendo distribuído por toda a Europa. O problema era que o preço estava altíssimo para um intermediário como ele: 300 euros, quase R$ 1,2 mil. Hoje (26), contudo, a marca lançou o Max Plus M1 nos EUA por US$ 194, o equivalente a R$ 628 desconsiderando impostos.

A diferença de preço é de quase 50% e, ao passo que os valores do mercado norte-americano convertidos em reais nunca se aplicam aos mesmos lançamentos no Brasil, esse novo preço pode significar que o celular da Asus não será tão caro quanto era esperado no momento em que começar a ser comercializado por aqui. Apesar disso, não temos ainda nenhuma confirmação oficial de que esse smartphone em questão chegará ao nosso mercado em algum momento.

amazon zenfone

Seja como for, o smartphone é um intermediário básico com foco em autonomia. Ele conta com impressionantes 4.130 mAh e funciona através de um processador MediaTek 6750T. Ele chega ao mercado russo em duas opções; uma com 2 GB de RAM e 16 GB de armazenamento, e outra com 3 GB de RAM e 32 GB de espaço nativo. O sistema operacional é o Android Nougat em vez do Oreo.

Além de ter um formato mais alto que o padrão atual, o display do ZenFone Max Plus M1 conta com resolução Full HD+ (1080 x 2160) distribuída em 5,7’’. Apesar de parecer muito, vale destacar que displays nesse formato mais moderno podem ser consideravelmente mais compactos do que modelos com a mesma contagem de polegadas no padrão tradicional 16:9. O Galaxy S8, por exemplo, é pequeno, mas tem uma tela de 5,8’’ no aspecto 18:9.

Outros detalhes de hardware interessantes acerca do ZenFone Max Plus M1 dizem respeito ao conjunto de câmeras na parte traseira. São dois sensores, o principal com 16 MP e o secundário com 8 MP. A câmera frontal do celular da Asus possui 8 MP.

Cupons de desconto TecMundo: