A Samsung acaba de apresentar em seu evento pré-MWC 2018 os novos Galaxy S9 e S9+, seus top de linha para o ano de 2018. Os aparelhos seguem essencialmente o mesmo estilo de design que a marca trouxe com o Galaxy S8, mas agora com bordas um pouco mais finas e com o leitor de digitais no lugar certo. Além disso, o hardware foi atualizado, mas não estamos falando apenas de núcleos da CPU e quantidade de memória RAM. Os smartphones da coreana trazem especialmente câmeras melhoradas e capazes de tirar fotos ainda mais bonitas.

Falando em fotografia, esse é o grande pilar dos novos aparelhos da empresa neste ano. O Galaxy S9 comum tem apenas uma câmera traseira, enquanto o S9+ vem com duas. O mais interessante, contudo, é que o sensor principal de cada aparelho tem um recurso que ainda não tínhamos visto nos top de linha das grandes marcas que chegam ao ocidente: sensor com abertura variável.

A câmera principal do S9 e do S9+ poderá mudar sua abertura mecanicamente conforme a necessidade do usuário

Isso quer dizer que a câmera principal do S9 e do S9+ poderá mudar sua abertura mecanicamente conforme a necessidade do usuário. Se você for fotografar durante o dia — em uma praia, por exemplo, onde há muita luz —, o celular vai usar a abertura menor f/2.4. Caso você queira fazer uma foto noturna, o sensor terá a opção de mudar para impressionantes f/1.5. Essa é a maior abertura disponível em uma câmera de smartphone atualmente. Apenas o LG V30 chega perto disso, com sua f/1.6.

S9

Junto com essas capacidades de hardware, a Samsung está oferecendo uma série de recursos interessantes, como modo retrato e também uma versão própria do que a Apple chama de Animoji. A diferença é que a opção da coreana é consideravelmente mais útil, sendo que pode ser compartilhada em qualquer lugar facilmente.

Tela e som

A tela do Galaxy S9 e do S9+ são essencialmente as mesmas dos modelos anteriores. Os painéis foram construídos com a tecnologia Super AMOLED da Samsung e medem 5,8’’ para o modelo menor e 6,2’’ para o maior. A resolução é 2960x1440 em ambos os casos, o que torna o display do aparelho menor um tanto mais interessante por conta da densidade de pixels.

Ambos os celulares agora possuem som estéreo com dois alto-falantes distintos

Seja como for, o que realmente muda na questão do consumo de mídia com os top de linha da Samsung é a questão do som. Ambos os celulares agora possuem som estéreo com dois alto-falantes distintos. Um deles continua no mesmo lugar, na parte inferior da moldura, e o segundo foi embutido na parte frontal acima da tela, onde também fica a saída de som para ligações. A Samsung explica que a AKG — sua subsidiária para tecnologia de áudio — foi a responsável pelo som nesses novos celulares.

galaxy s9

Novo chipset

Neste ano, a Samsung continua com a sua dobradinha de processadores. Nos EUA, os celulares da empresa chegam ao mercado com o Snapdragon 845 por conta das redes CDMA que ainda operam no país, o que pode acontecer eventualmente também na China. No resto do mundo, o Galaxy S9 e S9+ terão o chipset Exynos 9810 desenvolvido pela própria Samsung. De acordo com a fabricante, o desempenho será idêntico em ambos as versões.

Para completar esse pacote do hardware, os novos celulares da empresa terão opções de 4 e 6 GB de RAM, bem como de 64 e 128 GB de armazenamento, com possibilidade para expansão via micro SD. No Brasil, esses produtos serão também Dual-SIM. Confira o restante das especificações:

Tamanho de Tela5,8 polegadas6,2 polegadas
Resolução de Tela1440 x 2960 pixels1440 x 2960 pixels
ChipsetExynos 9810 Octa - EMEA / Qualcomm MSM8998 Snapdragon 845 - USA & ChinaExynos 9810 Octa - EMEA / Qualcomm MSM8998 Snapdragon 845 - USA & China
Memória RAM4 GB de RAM6 GB de RAM
Armazenamento Interno64/128/256 GB64/128/256 GB
Câmera Traseira12 MP, abertura, f/1.5-2.4, 26mm, 1/2.5", 1.4 µm, Dual Pixel PDAF, detecção de face, autofoco, OISDual: 12 MP, abertura f/1.5-2.4, 26mm, 1/2.55", 1.4 µm, Dual Pixel PDAF + 12MP abertura f/2.4, 52mm, 1/3.6", 1 µm, AF, OIS, detecção de face, autofoco, 2x zoom óptico
Capacidade de Bateria3000 mAh3500 mAh

E a câmera reimaginada?

Com design similar e hardware apenas atualizado, o que realmente pode fazer os consumidores ficarem ansiosos para experimentar o S9? Bem... A câmera é a resposta. O S9 continua com apenas uma câmera, mas o S9+ agora tem duas lentes na parte traseira. Os aparelhos contam com câmera com abertura que pode ser controlada manualmente, permitindo que isso fique em f/1.5 ou f/2.4 (somente essas duas opções). Com isso, as fotos podem ter até 28% mais luz na captura — em relação ao S8. 

Mais do que isso, os novos S9 também têm sensores com a nova geração do autofoco dual-pixel, o que deve garantir mais velocidade e menos ruídos nas imagens capturadas.Para quem gosta de vídeos: o S9 agora grava vídeos em câmera lenta com até 960 frames por segundo (com resolução de 720p). 

Vale dizer que a câmera frontal também tem novidades: Emoji AR.  Trata-se de um sistema muito parecido com o que vimos no iPhone X e os Animojis. A diferença aqui está no fato de que os consumidores podem criar facilmente os seus próprios personagens para que as interações fiquem bem personalizadas.

Extras

A Bixby continua sendo parte importante dos celulares da Samsung. Contudo, neste ano, a assistente digital está mais poderosa. Ela agora tem uma nova ferramenta de tradução que usa realidade aumentada para converter frases de uma língua para outra. Para isso, o usuário poderá simplesmente apontar a câmera do celular para uma tela, cartaz ou livro para que o smartphone faça a tradução. Isso será uma das novas funcionalidades da Bixby Vision, que é algo bem parecido com o que o Google Tradutor já faz.

Preço e disponibilidade

Os novos S9 e S9+ vão chegar ao mercado dos Estados Unidos nas próximas semanas. O modelo S9 vai chegar a partir de US$ 720 e o S9+ a partir de US$ 840. Os dois já estão em pré-venda e devem começar a ser vendidos no dia 2 de março.

Enquanto o S9 não é lançado, confira as ofertas do seu irmão mais velho o S8 no Zoom:
Samsung Galaxy S8
Samsung Galaxy S8+