Desenvolvido pela Huawei, o processador Kirin 970 é um dos principais do setor para 2018. Ele foi apresentado no ano passado e dá vida a alguns modelos da fabricante chinesa, sendo apontado por ela mesmo como capaz de superar inclusive o A11 Bionic, chipset empregado pela Apple no iPhone X.

Um dos principais apelos do Kirin 970 é o fato de ele oferecer recursos de inteligência artificial. E é justamente isso que a companhia tenta demonstrar em um vídeo publicado nesta semana no qual o Mate 10 Pro é usado para pilotar um veículo. Sem nenhum motorista, um carro modificado é guiado pelo smartphone para desviar de um cachorro na pista.

Nas imagens, os desenvolvedores da Huawei falam sobre a ideia de levar a um outro nível o reconhecimento de objetos avançado oferecido pelo processador. Eles modificam o veículo e ensinam ao smartphone que ele deve desviar de certos objetos para depois colocá-lo no comando do veículo — tudo isso em apenas cinco semanas, garante a companhia.

A empresa chinesa avisa que o experimento foi feito por profissionais em um ambiente controlado e também que a tecnologia vista nas imagens não está disponível em nenhum aparelho da Huawei. De qualquer maneira, é um bom teaser para possíveis novidades que ela deve apresentar durante a MWC 2018 sobre recursos para veículos inteligentes e autônomos. Nós estaremos lá e vamos conferir tudo de perto.