A agonia deste século é retratada por telas de smartphones quebradas — principalmente as telas de celulares que ainda estão sendo parcelados mês a mês. Porém, ao que tudo indica, isso pode começar a mudar em 2019, quando os primeiros smartphones com vidro de diamante desembarcarem no mercado.

Hoje, como a CNET nota, as soluções Gorilla Glass são uma mistura química de acabamentos especiais e até um pouco de cristal de safira para modelos específicos: mas todo mundo sabe que, dependendo do modelo, uma pequena queda é o suficiente para estraçalhar o aparelho.

Vale notar que Adam Khan havia prometido o primeiro smartphone com tela de diamante para 2017. Será que dessa vez ele acerta?

A empresa Akhan quer mudar isso ao trazer o primeiro smartphone com tela de diamante em 2019. De acordo com a empresa, o Mirage Diamond Glass usa um padrão de nanocristal que organiza aleatoriamente os cristais, em vez de alinhá-los ao longo de seus planos. A tecnologia deve ser superior ao que se é utilizado hoje, e a companhia ainda adiciona que as telas de vidro de diamante poderão trabalhar em conjunto com soluções Gorilla Glass — ao que parece, estão querendo montar um smartphone à prova de balas. Coisa boa!

De acordo com Adam Khan, CEO da companhia, a dificuldade do diamante está no quão reflexivo ele é. A ideia é diminuir a luz refletida, que é maior do que o vidro. Isso significa que, quanto mais reflexiva é a tela, mais difícil fica para ler em ambientes ao ar livre.

Ainda, vale notar que Adam Khan havia prometido o primeiro smartphone com tela de diamante para 2017. Será que dessa vez ele acerta?

Cupons de desconto TecMundo: