Temos boas e más notícias com relação ao Galaxy S9. Começando pela parte ruim: a bateria do smartphone continua com os mesmos 3.000 mAh de seu modelo antecessor. A parte não tão ruim? Bem, considerando que o aparelho terá um chipset superior, isso deve resultar em um consumo de bateria menor.

A novidade da vez foi descoberta através de nada menos do que um certificado de homologação registrado pela Anatel, que detalhou a bateria como sendo “para utilização em telefones móveis celulares” da Samsung. Você pode conferir essas informações, em destaque, pela imagem abaixo, descoberta pelo site SlashLeaks:

Homologação de bateria Anatel

Se isso quer dizer necessariamente que a bateria vem para o Galaxy S9? Considerando que o aparelho está para chegar e que as homologações costumam vir pouco antes do lançamento do smartphone em si, é difícil imaginar que se trate de outro dispositivo. Agora é só esperar mais um pouquinho para termos a confirmação, quando a Samsung finalmente fizer sua tão esperada revelação.

Cupons de desconto TecMundo: