O segmento dos smartphones intermediários é o que a maioria dos brasileiros prefere. Afinal, gastar milhares de reais em um celular e correr o risco de ser assaltado ou mesmo quebrar a tela na primeira queda não agrada à maioria de nós. Por isso, se você está a fim de economizar e mesmo assim conseguir um ótimo aparelho, dê uma olhada nessa nossa lista esperta com as melhores opções de aparelhos intermediários.

Os preços são bem variados, mas todos os modelos estão no reino dos intermediários. Dentro dessa categoria, entretanto, temos os mais básicos, que custam algo perto de R$ 1 mil, e os mais premium, que ficam perto de R$ 1,5 mil. Seja qual for a sua escolha, todos devem lhe oferecer uma experiência bastante digna.

Motorola Moto G5

Entre os intermediários mais básicos, que ficam abaixo da faixa dos R$ 1 mil, o Moto G5 é basicamente a única opção de 2017 que oferece uma experiência minimamente digna ao usuário. O celular tem especificações bem medianas, mas, ainda assim, oferece um bom desenho e espaço de armazenamento nativo suficiente para a maioria dos usuários que busca um celular dessa categoria.

Motorola Moto G5 Plus

Subindo um pouco a faixa de preço, temos o Moto G5 Plus. Esse smartphone aqui é um bom negócio na comparação com seu irmão mais simples. Ele conta com um processador consideravelmente superior e vai conseguir dar conta da maioria dos jogos disponíveis na Google Play. Só aqueles mais pesados é que talvez não ofereçam uma experiência tão lisa.

No dia a dia, entretanto, ele conta com um ótimo desempenho e, assim como o G5 comum, tem um leitor de digitais com suporte a gestos que torna a usabilidade muito interessante. A qualidade do aparelho em si também é boa, e as câmeras fazem fotos um tanto melhores que aquelas do Moto G5 simples.

 

Xiaomi Redmi Note 4

Nossa lista conta apenas com celulares vendidos no Brasil, e você pode estar estranhando esse modelo aqui. Contudo, há um importador comercializando o produto através do marketplace da Americanas e Submarino. Por isso, é possível comprar o celular com nota fiscal nacional e conseguir garantia por meio do vendedor.

Seja como for, ele é um aparelho que bate de frente com Moto G5 Plus em praticamente todos os quesitos, mas tem um corpo mais resistente e uma interface completamente diferente. Contudo, a MIUI da Xiaomi é normalmente elogiada pelos usuários e existe uma boa chance de que você vá gostar. O custo beneficio do celular, seja comprado de fora ou aqui mesmo, é bem interessante, e você deveria considerá-lo na sua lista de compras.

Motorola Moto Z2 Play

A Motorola lançou a segunda geração do Z Play antes mesmo de o aparelho original completar um ano aqui no Brasil. Contudo, o smartphone agora veio com algumas vantagens interessantes. Para começar, o design ficou bem mais interessante dessa vez, bem como o preço. O Z2 Play está sendo comercializado por praticamente o mesmo preço do Z Play original no varejo online. A única vantagem que o aparelho antigo tem é a bateria maior. Porém, a autonomia dos dois não difere muito, então o negócio é ficar com o mais recente mesmo.

Outro aspecto positivo é que agora o Z2 Play vem com 64 GB de armazenamento, contra 32 GB da geração anterior. Os Moto Snaps continuam funcionando da mesma foram que antes.

Samsung Galaxy A5 2017

Os aparelhos de entrada da Samsung não conseguem oferecer o mesmo custo-benefício em questão de desempenho e funcionalidade que os concorrentes do topo da lista, mas os intermediários premium estão bastante interessantes nesse ano. Além de mais refinado no design, o A5 deste ano é à prova de água — uma exclusividade da Samsung nesse segmento — e traz um desempenho satisfatório. As câmeras são boas, e a coreana deixou a interface muito mais agradável do que na geração passada. Só não crie muitas expectativas para receber atualizações para o novo Android nesse aparelho.

Samsung Galaxy A7 2017

Quanto a atualizações, o A7 segue a mesma linha do A5, mas esse celular aqui pode ser mais interessante para os usuários. Ele tem uma autonomia de bateria incrível, assim como o A5 2017 também tem. O desempenho também é praticamente o mesmo e esse modelo também tem proteção contra água. A diferença para o irmão menor é só em tamanho e, talvez, na qualidade das fotos em algumas situações mais específicas.

Asus ZenFone 3 Zoom

A Asus vem fazendo bom hardware para seus smartphones há anos, e o ZenFone 3 Zoom é a mais recente prova disso. O celular tem um ótimo desempenho e uma série de possibilidades de configuração. O design com o corpo todo em metal também é um destaque, mas o que o faz ficar devendo é a interface Asus. Ela parece muito datada e não vai receber atualização para a versão mais nova do Android neste ano.

Mas o destaque aqui é a qualidade das câmeras, que são bem interessantes. A parte traseira tem um sistema duplo com a segunda lente sendo mais especial. Ela tem zoom fixo de 2,3x e ajuda você a tirar fotos mais de perto sem perder qualidade nenhuma. Para um intermediário, essa é uma qualidade realmente interessante e que deve agradar quem gosta de tirar fotos.

E aí? Gostou da nossa lista? Se você acha que algum outro intermediário deveria estar nessa lista, compartilha sua opinião com a gente nos comentários e ajude outras pessoas a escolherem o melhor celular possível.