A Huami (um dos braços da Xiaomi) está se preparando para lançar um novo aparelho que vai agradar quem está cansado dos mesmos smartwatches com sistema Android Wear. Trata-se do Amazfit 2, um sucessor do primeiro Amazfit que agora traz um design mais parecido com o de um relógio comum, mas mantém praticamente tudo o que seu antecessor já oferecia.

Contando com uma carcaça feita de uma combinação de fibra de carbono, policarbonato reforçado e cerâmica polida, o Amazfit 2 se destaca por, como falamos antes, não usar o Android Wear. Isso não apenas garante a ele um consumo muito menor de energia, como também permite que ele faça várias outras funções únicas, como monitorar vários tipos de exercício diferentes – indo de corrida a natação, ciclismo, montanhismo, triátlon e outros.

Não deve ser surpresa saber, no entanto, que o hardware do aparelho é praticamente o mesmo que estamos acostumados a ver em qualquer smartwatch. Isso quer dizer uma tela redonda de 1,34 polegadas com resolução de 320x320, um processador SoC dual-core de 1,2 GHz, 512 MB RAM e 4 GB de armazenamento. A bateria é de 280 mAh, mas é capaz de durar até 5 dias de uso sem o GPS ligado.

Para aqueles que se interessaram, o Amazfit 2 está disponível em duas versões: enquanto a edição comum chega por ¥ 999, o modelo especial, que inclui apenas uma pulseira de couro, custa ¥ 1.499. Infelizmente, porém, o aparelho é uma exclusividade da China, e não temos qualquer indício de que ele possa eventualmente chegar por aqui.

Cupons de desconto TecMundo: