Analistas do grupo Nomura afirmaram nesta semana que a Apple deve apostar em um modelo maior do iPhone em 2018. O dispositivo teria tela de 6,5 polegadas e seria apenas um dos três possivelmente lançados pela Maçã no próximo ano. As informações dão conta ainda de que dois modelos teriam telas OLED, enquanto outro persistiria no LCD.

Os modelos OLED seriam justamente o iPhone maior e outro com o mesmo tamanho do iPhone X — 5,8 polegadas. A dupla contaria com a tecnologia TrueDepth para a profundidade da câmera, mas viria com uma novidade essencial em relação ao aparelho de 2017: uma versão com 512 GB para armazenamento.

O terceiro modelo, com tela LCD, teria um design também inspirado no iPhone X, praticamente sem bordas, mas com apenas uma câmera traseira. Apesar de um apelo “mais em conta” e direcionado ao mercado intermediário, este modelo contaria com Face ID como o sistema de desbloqueio padrão, abandonando de vez o Touch ID e o botão Home físico na frente do smartphone da Apple. O preço final de tudo isso deve girar em torno de US$ 650 e US$ 900.

iPhone XMais analistas apostam que a Apple deve lançar três modelos com a cara do iPhone X em 2018.

O Nomura cita como fontes pessoas da linha de produção do iPhone e aposta na Foxconn como a fabricante dos modelos mais caros, enquanto a versão com tela em LCD seria produzida pela Pegatron e provavelmente também pela Wistron. Contudo, muita coisa pode mudar ao longo dos próximos meses: os analistas cravam que as especificações finais dos gadgets não devem ser finalizadas antes do final do primeiro trimestre de 2018.

Muitas das apostas do Nomura hoje vão ao encontro de outras previsões feitas por Ming Chi Kuo, um dos mais conceituados e precisos analistas de mercado. Ele já havia falado em três iPhones com o visual do iPhone X e também em dois modelos com tela OLED. Ao que tudo indica, esse deve ser mesmo o caminho a ser seguido pela Apple.

Cupons de desconto TecMundo: