Motorola quebrou uma tradição e lançou o Moto G5S – e a versão Plus – para atualizar sua linha mais famosa de smartphones intermediários, mesmo depois de apenas alguns meses que o Moto G5 e o G5 Plus tinham saído. Exceto por uma tela maior e um novo sistema de câmeras duplas na traseira, pouca coisa parece ter mudado entre as variantes Plus.

Agora que nós já fizemos uma análise completa do Moto G5S Plus mais novo, podemos compará-lo diretamente com o anterior para detalhar como foi essa evolução. Será que está compensando trocar um pelo outro? Vale a pena pegar o mais antigo ou a novidade? São essas as dúvidas que vamos tentar responder neste comparativo.

Versão do Sistema OperacionalAndroid 7.0 NougatAndroid 7.1 Nougat
Tipo de TelaIPS LCD com 16 milhões de coresIPS LCD com 16 milhões de cores
Tamanho de Tela5.2 polegadas5.5 polegadas
Resolução de Tela1920 x 1080 pixels1920 x 1080 pixels
ChipsetQualcomm MSM8953 Snapdragon 625Qualcomm Snapdragon 625
Memória RAM2 GB de RAM4 GB de RAM
Armazenamento Interno32 GB32 / 64 GB
Cartão de MemóriamicroSD, expansível até 256 GBmicroSD, expansível até 256 GB
Câmera Traseira12 MP, abertura f/1.7, com resolução máxima de 4032 x 3024 pixelsDual de 13 MP, abertura f/2.0, autofoco, com resolução máxima de 4208 x 3120 pixels
Capacidade de Bateria3000 mAh3000 mAh

Design: upgrade claro

Eles até empatam em resistência e pegada, mas o visual do mais novo é melhor

No quesito design, a evolução é bem clara, por quais que em um primeiro momento pareça que pouca coisa mudou. A primeira diferença é o tamanho, já que o G5S Plus é maior que o antecessor em todas as dimensões. As linhas visuais continuam bem parecidas, seguindo o estilo da família Moto Z até no calombo da câmera traseira, que continua bem protuberante. Mas se a construção do G5 Plus já dava uma sensação premium, a do G5S Plus vai um pouco além.

A Motorola abandonou os detalhes em plástico no modelo mais novo. Com exceção da parte da frente, que é toda em vidro, a carcaça inteira é feita em metal. As partes cortadas nas bordas ganharam com um acabamento brilhante parecido com o do G5 Plus anterior, mas as diferenças sutis entre um e outro fazem o G5S Plus passar uma sensação mais moderna. Eles até empatam no quesito resistência e pegada, mas no visual o aparelho mais novo leva vantagem.

Moto G5S Plus vs. Moto G5 Plus

Tela: diferença só de tamanho

Indo agora para a tela, a diferença principal entre um e o outro realmente se resume ao tamanho. A tecnologia do painel é IPS nos dois e ambos continuam com resolução Full HD. Como a dimensão aumentou de 5,2 polegadas no Moto G5 Plus para 5,5 polegadas no G5S Plus, o que significa que a densidade de pixels é um pouco maior no celular mais antigo.

Daria para falar que o G5 Plus consegue mostrar um pouco mais de detalhes por causa disso, mas na prática a diferença é quase impossível de perceber. O tamanho maior da tela do G5S Plus acaba trazendo mais vantagem por conta disso, mas nada muito gritante. Fora isso, os dois têm a mesma qualidade no brilho, que é bom para usar mesmo sob o sol, e têm uma reprodução de cores legal para displays LCD.

Moto G5S Plus vs. Moto G5 Plus

Desempenho: empatados por enquanto

No quesito desempenho, os dois modelos têm bem poucas distinções – e isso acontece porque o hardware deles é bem parecido. Ambos vêm com o processador Snapdragon 625. A diferença é que o aparelho mais antigo tem 2 GB de RAM e o mais novo vem com 3 GB. Na prática, qualquer um deles consegue rodar muito bem todo tipo de aplicativo e jogo, sem engasgos ou travamentos e sem alterações notáveis de velocidade.

A diferença real da RAM extra só deve ficar clara no futuro

No entanto, é fato que a RAM extra do G5S Plus pode facilitar as coisas para ele no futuro, ajudando a rodar apps mais exigentes que podem ser lançados – mas por enquanto isso acaba não importando muito. No armazenamento, os dois vêm com 32 GB de espaço interno e possibilidade de expansão usando cartão micro SD. Dá para considerar que eles empatam aqui.

Moto G5S Plus vs. Moto G5 Plus

Interface: tudo igual

Na interface, não tem nem muito o que dizer. Os dois tem acesso à versão mais atual do Android Nougat, seja de fábrica ou por atualização. Como o hardware é bem parecido, a experiência de uso acaba sendo praticamente a mesma.

A interface é bem próxima do Android puro e os aparelhos vêm com algumas funções práticas próprias da Motorola, incluindo aqui a possibilidade de trocar os botões de navegação por gestos no sensor de digitais. Além disso, os dois vêm com rádio FM e TV digital, o que são recursos interessantes, mas não dão vantagem para qualquer um deles.

Moto G5S Plus vs. Moto G5 Plus

Câmeras: promessa ainda não cumprida pelo G5S Plus

Indo para as câmeras, esse é um ponto em que os dois celulares deveriam ter mais diferenças, mas pelo menos por enquanto esse não é bem o caso. O Moto G5S Plus foi o primeiro intermediário da Motorola a chegar com um sistema de câmeras duplas com sensores de 13 MP – um colorido e outro preto e branco – e com abertura de f/2.0. Essa tecnologia teoricamente ajuda a melhorar a qualidade das fotos com ou sem cores e traz também alguns efeitos extras. Já o G5 Plus vem só com um sensor de 12 MP com abertura de f/1.7.

Mas se no papel parece que o G5S Plus tem bastante vantagem, na prática ele não está tão na frente assim. As fotos diurnas saem boas nos dois aparelhos, sem grandes vantagens para um ou para o outro. Nos ambientes com menos luz, ambos sofrem com ruídos e com perda de detalhes. Dá para melhorar as coisas no G5S Plus usando a função de pouca luz, mas isso faz os cliques noturnos ficarem mais lentos – e olha que eles já são demorados normalmente nesse celular.

Fotos tiradas com o Moto G5S Plus:

Fora isso, as funções extras do G5S Plus, como o desfoque do fundo, o preto e branco seletivo e a substituição do fundo, ainda são bem limitadas e só dão certo se você ensaiar bastante e insistir na hora de tirar as fotos. Isso deve melhorar com atualizações futuras, mas por enquanto não é um grande trunfo a favor do aparelho mais novo.

Fotos tiradas com o Moto G5 Plus:

Pelo menos nas selfies o G5S Plus trouxe uma evolução mais direta. A resolução das imagens ficou maior, a abertura da lente aumentou e agora o celular tem um flash LED frontal. Dessa forma, pelo menos as selfies devem ficar um pouco melhores nele do que no G5 Plus, tanto em lugares claros como no escuro.

Bateria: G5 Plus na frente

Seguindo para a bateria, esse foi um ponto em que não houve evolução – e isso é um pouco pior do que parece. Como a tela aumentou, mas o processador e o tamanho das reservas de energia continuam iguais, o G5S Plus acaba sofrendo um pouco mais para conseguir aguentar o dia inteiro fora da tomada.

Por mais que os dois até deixem que os usuários mais moderados passem um dia sem ter que recarregar, o Moto G5 Plus dá um pouquinho mais de folga para isso. A diferença não é gigantesca, mas existe. Em todo caso, ambos vêm com o carregador rápido da Motorola e conseguem fazer uma recarga completa em mais ou menos 1 hora e 45 minutos.

Moto G5S Plus vs. Moto G5 Plus

Preço: diferença considerável

Mesmo com várias pequenas vantagens a favor do Moto G5S Plus, no quesito preço as coisas complicam para ele. O modelo mais recente está sendo vendido oficialmente pela Motorola por R$ 1,5 mil, enquanto o antecessor foi baixado pra R$ 1,2 mil.

Custando R$ 300 a mais, a novidade acaba não valendo a pena, considerando que o desempenho dos dois é praticamente o mesmo e que o sistema de câmeras duplas do G5S Plus não traz vantagens muito grandes. Pelo menos enquanto o software não for atualizado para melhorar a velocidade das fotos noturnas e os recursos de software que ainda tão em Beta, o que pode acontecer em um futuro incerto.

-----

Mas e você, o que achou do Moto G5S Plus e do G5 Plus? Deixe a sua opinião nos comentários abaixo e, se estiver afim de um deles, confira os links a seguir para ver algumas ofertas que nós separamos para você.

Opções de compra

Cupons de desconto TecMundo: