Uma das grandes diferenças entre o iPhone X e os outros dois modelos lançados pela Apple neste ano, iPhone 8 e 8 Plus, está no método de autenticação padrão do dispositivo. Enquanto 8 e 8 Plus trazem uma abordagem tradicional, com botão Home físico e leitor de digitais, a versão mais parruda do iPhone conta com um sistema de reconhecimento facial, inédito no produto da Maçã.

De acordo com o analista Ming-Chi Kuo, o recurso de leitura de rostos do iPhone X, o Face ID, será o método padrão de autenticação dos iPhones a serem lançados em 2018. A ideia é bem simples: tornar o recurso um dos principais diferenciais dos aparelhos da Apple em relação aos seus concorrentes com Android. Apesar de já contar com um recurso como este em alguns aparelhos, a tecnologia utilizada pela Apple em seus gadgets é superior às rivais.

Fim do botão Home físico

Se as previsões de Kuo se confirmarem, isso significa também que iPhone 8 e iPhone 8 Plus foram os últimos modelos do smartphone da Apple a trazer o botão Home físico. A partir do ano que vem, todas as versões do gadget lançadas pela fabricante teriam um visual derivado do iPhone X, ou seja, com tela quase sem bordas e sem nenhum botão na sua parte frontal.

E as mudanças podem chegar também ao iPad, ou ao menos à versão Pro do tablet. Há rumores de que esses portáteis também ganharão suporte ao Face ID já na sua próxima versão, com lançamento previsto para algum momento de 2018, reforçando a ideia de um novo visual talvez sem botão físico na tela.

Nada de leitor na tela

Outra possibilidade apreendida a partir das previsões de Kuo é que a Apple teria abandonado de vez a ideia de produzir uma tela capaz de realizar a leitura de impressões digitais. O recurso, que deve dar as caras no Galaxy S9, apareceu em rumores tanto no iPhone quanto em outros dispositivos da Samsung para este ano, mas não passou disso.

Vale lembrar, porém, que as informações apresentadas aqui se tratam apenas de previsões. Assim, é necessário esperar mais um pouco para que elas se tornem rumores e ainda mais para que sejam confirmadas pela Apple.

Cupons de desconto TecMundo: