Após divulgar a lista de aparelhos que receberiam o novo Android Oreo sem o Moto G4, a Motorola aparentemente voltou atrás e confirmou que o dispositivo lançado em 2016 receberá a mais recente versão do sistema operacional da Google. A companhia divulgou uma nota na qual confirmou a alteração e explicou que a ausência do Moto G4 se devia a “alguns erros no material de marketing” e definiu tudo como uma falha de comunicação.

A Motorola afirmou também que, por se tratar de uma “atualização não planejada”, ela deve demorar um pouco até ser encaixada no calendário de atualizações previstas pela companhia. Além disso, apenas o Moto G4 Plus vai receber a novidade — Moto G4 e Moto G4 Play continuarão com o Android Nougat.

Apesar das explicações, não dá para dizer que se trata de algo não planejado. Vale lembrar que a própria Motorola havia prometido a chegada do Android O à quarta geração do Moto G nos materiais promocionais dos dispositivos e chegou inclusive a tentar “apagar os rastros” dessa promessa. De qualquer forma, os donos do Moto G4 Plus receberão ao menos mais uma grande atualização do Android.

Confira na íntegra a nota divulgada pela Motorola nesta segunda-feira (18)

Chamou a nossa atenção que havia alguns erros em nosso material de marketing acerca das atualizações do Android O para o Moto G4 Plus. Isso foi um descuido da nossa parte e nós pedimos desculpas por essa falha de comunicação. É prática comum nossa para a família Moto G receber um grande upgrade de SO por dispositivo, mas é importante para nós manter as nossas promessas, então, em adição à atualização [para o Android] N que já foi recebida, nós atualizaremos o Moto G4 Plus para o Android O. Como esta é uma atualização não planejada, vai levar mais tempo para ela entrar em nosso calendário de atualizações. Veja a nossa página de atualização de software para mais informações.

Cupons de desconto TecMundo: