Você deve se lembrar que a Samsung teve problemas com a bateria do Galaxy Note 7. Tempo depois, a companhia anunciou que resolveria essa questão com o Note 7 FE, uma versão remodelada com bateria nova e todas as garantias de um desempenho decente sem maiores problemas. Lançado em julho deste ano na Coreia do Sul, de acordo com o Samsung, o aparelho agora se encontra esgotado. Ou seja: parece que deu tudo certo.

Claro, a redenção da Samsung não veio com o aparelho remodelado, apesar de todas as 400 mil unidades do Galaxy Note FE terem sido vendidas em dois meses. A redenção está acontecendo agora, com o Galaxy Note 8, e você pode conferir tudo sobre o novo smartphone da Sammy clicando aqui.

A Samsung não deverá colocar unidades extras do Note FE na Coreia do Sul

Voltando ao Note FE, a única diferença que ele possui quando comparado com o Note 7 "explosivo" é exatamente a bateria: a anterior, de 3,500 mAh, foi trocada por uma de 3,200 mAh — além da troca de hardware, a Sammy também garantiu um processo de segurança bem rigoroso sobre a bateria.

Segundo relatos, a Samsung não deverá colocar unidades extras do Note FE na Coreia do Sul. Além disso, alguns rumores indicam a possibilidade do smartphone remodelado aparecer em mais mercados.

Cupons de desconto TecMundo: