Depois de uma série de vazamentos revelarem quase tudo a respeito do Redmi Note 5A, o CEO da Xiaomi resolveu ir às redes sociais para jogar para escanteio mais algumas dúvidas sobre o mais novo smartphone custo-benefício da marca.

A primeira boa notícia publicada pelo executivo na Weibo nesta semana foi que o aparelho deve ser o responsável por finalmente acabar com a gaveta híbrida para chips telefônicos e cartões de expansão de memória flash. Sim, o gadget vai trazer um compartimento capaz de abrigar tanto dois SIMs quanto um cartão micro SD (de até 128 GB), tudo ao mesmo tempo.

Outra novidade interessante para os aficionados por selfies é o fato de a câmera frontal do celular contar com um flash dedicado, permitindo bons autorretratos mesmo com luz desfavorável. A postagem de Lei Jun sobre o tema, no entanto, indica que podemos ter mais de uma versão do Note 5A chegando ao mercado e que a selfie cam de pelo menos uma delas pode ser melhor do que pensávamos.

Tendo como base essas informações, o consumidor pode ter a opção de uma câmera frontal de 16 MP na edição mais robusta do aparelho ou 13 MP em sua encarnação mais humilde – que pode cair para pavorosos 5 MP, se alguns rumores estiverem certos. Outras diferenças entre ambos os modelos do Redmi Note 5A podem incluir chipset (Snapdragon 425 para 435), quantidade de memória RAM (2 GB para 3 GB) e espaço em disco (16 GB para 32 GB).

Com expectativa de preços a partir de R$ 475 e lançamento internacional na próxima segunda-feira (21), você acha que o negócio vale a pena?

Cupons de desconto TecMundo: