Esta semana, Philip Elmer-DeWitt divulgou uma nota de Amit Daryanani, analista do Royal Bank of Canada, que sugere que o lançamento do iPhone 8 pode não acontecer em setembro, como os rumores sugerem.

“Baseado nos dados da cadeia logística, que sugerem um atraso nos OLEDs do iPhone, nós acreditamos que o dispositivo talvez não seja vendido antes de outubro (contra setembro, período regular de lançamento de novos iPhones), com um volume maior de exportações acontecendo apenas entre novembro e dezembro”, diz a nota, que foi enviada aos clientes do banco.

O RBC está ajustando suas estimativas para refletir esse atraso, mudando as 5,3 milhões de unidades previstas para setembro para dezembro. Ainda assim, o banco acredita que o atraso não vai afetar outras características do lançamento, como a demanda ou até mesmo o ciclo de atualizações.

Cupons de desconto TecMundo: