A equipe do Cyanogen é totalmente dependente da Google para criar sua versão própria do Android, já que a empresa desenvolve o sistema operacional móvel. Porém, os desenvolvedores do CyanogenMod querem mudar isso.

Pelo menos é o que afirma Kirt McMaster, presidente da companhia. Eles querem construir sua própria versão do Android sem nenhuma interferência da Google. Segundo ele, a equipe do Cyanogen já está construindo uma versão mais aberta para que eles possam interagir com mais parceiros.

Kirt Mcmaster, presidente do Cyanogen (à direita)

Fogo amigo

Dessa forma, outros desenvolvedores e parceiros poderão utilizar o Android para criar os seus próprios serviços totalmente integrados. Na visão de McMaster, outras empresas poderão competir com produtos do Google como o Google Now, por exemplo.

Outra novidade interessante afirmada pelo executivo é que o Cyanogen terá sua própria loja de aplicativos em 18 meses. Porém, nem tudo são flores. Ser livre do Google pode ter um custo elevado, já que diversas patentes envolvem o projeto do Android. A própria Microsoft lucra com o sistema operacional por causa disto.

Cupons de desconto TecMundo: