Acredite: tudo o que você vê no vídeo acima é real. Trata-se apenas de... uma lula! Basicamente, o conteúdo mostra a “magia” desse revestimento: a pele pode mudar de cor, se expandir e se contrair de maneira ultraflexível, se camuflar e muito mais.

O canal do YouTube Deep Look chama essa pele de “pequenos balões preenchidos com pigmentos”, que são seu mais forte mecanismo de defesa – único, talvez – no mundo submerso. As lulas podem controlar a fluorescência de seu corpo e se camuflar de várias formas diferentes no abismo do oceano.

A descrição do vídeo é ainda mais enriquecedora. “Para um animal com um nome tão humilde, a lula tem uma aparência hipnótica espetacular. Pitadas e ondas de cor tremulam e irradiam ao longo de sua pele. Outras criaturas podem ter a habilidade de mudar a cor, mas a lula e seus parentes não têm comparação em se tratando de controle de aparência, e as novas pesquisas podem mostrar como elas fazem isso”, descreve o canal.

Como é que as lulas alteram a cor da pele?

De acordo com as explicações do Deep Look, esse controle ocorre através de cefalópodes que utilizam órgãos minúsculos em sua pele. “Para controlar a sua cor, os cefalópodes utilizam órgãos minúsculos em sua pele chamados cromatóforos. Cada minúsculo cromatóforo é basicamente um conjunto preenchido com pigmento. Alguns músculos circunstanciais se contorcem no conjunto, espalhando e expondo o pigmento colorido a qualquer luz atingindo a pele. Quando os músculos relaxam, as áreas coloridas se contraem a pontos minúsculos”, dissertou.

O que você achou desse vídeo que mostra a magia da pele das lulas? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: