Até pouco tempo atrás, Felix Baumgartner tinha o recorde da maior queda livre registrada no mundo. O homem patrocinado pela Red Bull atingiu 39,01 quilómetros de altura e transmitiu o feito ao vivo pela internet em Outubro de 2012.

Hoje, com muito menos alarde, o Dr. Alan Eustace, um executivo sênior da Google, bateu o recorde de Felix registrando uma queda livre de 41,42 quilómetros.

O feito aconteceu em New Mexico, nos Estados Unidos, e foi totalmente registrado em vídeo. Alan utilizou um balão de hélio especial para ascender durante mais de duas horas e ficou protegido da velocidade supersónica e da falta de oxigênio graças a um traje de alta tecnologia.

Segundo informações do New York Times, a velocidade de queda foi de 1.322 km/h e as pessoas que estavam presentes no evento escutaram uma pequena explosão quando o traje superou a velocidade do som.

Diferente de Baumgartner, que usou uma cápsula especial para ascender e fez bastante publicidade sobre o fato, o executivo da Google planejou tudo em relativo segredo durante mais de três anos e trabalhou com um pequeno time de cientistas.

Cupons de desconto TecMundo: